Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 16/02/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

As lições do Mercado de Liniers

Mercado | 13 de Junho de 2013
por Fernando Furtado Velloso


Das boas lições em pecuária que se traz da Argentina é o Mercado de Liniers, o centro mais importante de negócios com gado no país. Neste centro de leilões de gado gordo (para mercado doméstico e exportação), os produtores argentinos vendem boa parte de sua produção há mais de 110 anos, no bairro de Mataderos, Buenos Aires. Tive a oportunidade de voltar a este mercado na semana passada e compartilho, aqui, algumas informações.

Alguns números deste centro de vendas são dignos de divulgação: capacidade física para recebimento de mais de 30 mil animais em 2,2 mil mangas, 33 balanças para pesagem de lotes de animais, comercialização de aproximadamente 110 mil bovinos por mês, 55 firmas consignatárias (leiloeiras) instaladas, 34 mil usuários cadastrados na internet e fonte de trabalho para 2,5 mil famílias. Num passado não muito distante, Liniers comercializava mais de 25% de todo gado gordo do país e, hoje, vende 10% do total do abate nacional, correspondendo a 1,3 milhões de bovinos em 2010.

Em plena era de tecnologia, internet e negócios virtuais, pode parecer anacrônico falar em um centro para concentração de animais com todas as implicações e custos de transporte e possíveis perdas. Porém, existem lições nesta forma de comercialização:

a) garantia de pagamento: em Liniers existe 100% de garantia de pagamento pelos consignatários e esta é uma norma do centro (até no caso de animais caídos e mortes de transporte ocorre o pagamento ao vendedor);
b) venda por kilograma: todos os negócios ocorrem na base de peso por quilo e o lote é pesado imediatamente após a compra e, assim, gera-se transparência e confiança no comprador;
c) venda do pequeno produtor: o produtor de menor porte pode levar um lote de cinco animais e alcançar preços top (se a qualidade do gado for elevada, independente da quantidade);
d) sistema de informações: o mercado tabula e disponibiliza diariamente as cotações (mínimas, médias e máximas) para todas as categorias comercializadas e, assim, contribui muito com informações a todos os pecuaristas do país. Vale à pena conhecer em www.mercadodeliniers.com.ar.

Nestes mais de 110 anos, Liniers não foi somente um bom local para compra e venda de gado, mas, sim, um meio de transformação da pecuária e carne argentina. A venda diária de gado gordo e a total transparência nos negócios levaram a uma maior compreensão do pecuarista em relação ao tipo de produto mais valorizado pelo mercado (raça, cruzamento, idade, peso, grau de terminação, etc). Esta compreensão levou à padronização do rebanho argentino e à conquista do ótimo conceito internacional da carne argentina.
Não trago estas informações pensando que um centro para venda de gado no RS seja uma alternativa, mas sim para demonstrar que formas mais elaboradas de comercialização e a produção e disponibilização de informações de mercado são ferramentas transformadoras da pecuária.

Publicado no Jornal Folha do Sul, Caderno Campo em 13 jun 13 (Bagé, RS)

VÍDEO

http://www.assessoriaagropecuaria.com.br/index.php?secao=video&mostraconteudo=30

Remate Angus - Mercado de Liniers (06 junho 2013)

Acompanhe a venda de um lote de Angus no Mercado de Liniers (Argentina).
Remate Especial Angus (ocorre 1 vez por mês). Foi uma das atividades da Escuela de Jurados AnGus) e na sequência foram avaliados novilhos individualmente pelo grupo.
A Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha participou do treinamento

 

Maisartigos

  • Mitos e verdades do cruzamento (Por B. Lynn Gordon, Beef Magazine)

    Informação | 26 de Janeiro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Os Cruzamentos e a heterose resultante têm sido utilizados por gerações. Mas ainda restam discussões.

    Há sempre muita discussão e debate na pecuária de corte sobre o cruzamento. Dois pesquisadores da Universidade Estadual do Kansas se uniram para responder a algumas das perguntas mais comuns que os pecuaristas faz...
  • Idade da vaca e produtividade (Quando ela está velha demais?) - Derrel Peel (Oklahoma University, EUA)

    Informação | 16 de Janeiro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Outubro é tradicionalmente época de desmame dos bezerros e o descarte de vacas para a temporada de parição na primavera nos EUA. No momento de descarte de matrizes os criadores enfrentam decisões difíceis. O descarte ótimo no rebanho requer uma bola de cristal afiada que poderia ver o futuro.

    Se o regime de chuvas...
  • Carne gaúcha: uma trajetória de terra, campo e gente (Por Roberto Grecellé - SEBRAE)

    Informação | 14 de Janeiro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    O dia a dia da pecuária de corte brasileira tem sido em favor da qualidade da carne produzida. Nas fazendas e nas indústrias, seja pelo zelo, pelos investimentos ou pelo aperfeiçoamento nos processos produtivos, os atores desta cadeia se empenham em produzir a cada dia uma carne de qualidade superior. Sim, é possíve...
  • Pecuária de corte: uma opinião para o novo governo

    Informação | 13 de Janeiro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Júlio Barcellos, Prof. Titular, Fac. de Agronomia – NESPro/UFRGS

    Numa análise mais crítica, é preciso entender que desde que surgiu a palavra agronegócio em nosso vocabulário, é afirmado que em todas as suas dimensões só ocorrem “maravilhas”. O que é um profundo equívoco, quase viciado, de quem defe...
  • Comunicação como insumo fundamental para o agro

    Informação, Mercado | 11 de Janeiro de 2019
    Foto: AgroEffective
    Nestor Tipa Júnior
    Jornalista e pós graduado em Marketing no Agronegócio. Sócio-diretor da AgroEffective A agropecuária faz parte de um dos setores mais sensíveis à críticas e informações prejudiciais no Brasil. A opinião pública, por vezes, é severa nas cobranças aos produtores rurais e agroindústrias. Ba...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais