Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 15/12/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Bovinos: selecionar ou expor? Reflexões em mais uma FEICORTE

Genética | 21 de Junho de 2013
*por Fernando Furtado Velloso

Nesta semana está ocorrendo uma das exposições mais badaladas do Brasil, a FEICORTE, exposição totalmente indoor na cidade de São Paulo. Não há como questionar que fazer um grande evento de pecuária no coração financeiro do país é uma boa idéia. Aqui se reúnem os maiores empresários, os maiores frigoríficos e as mais diversas empresas do setor, etc. Mas, todo vez que participo deste evento me inquieta uma antiga preocupação e reflexão: expor animais é um bom método de selecioná-los?

São inegáveis as dificuldades de se conciliar métodos de seleção objetiva com a participação de animais em exposições. De um lado queremos identificar os melhores indivíduos em condições de igualdade de criação e na outra ponta oferecemos tratamento preferencial e super diferenciado aos eleitos para participarem das exposições. Se priorizarmos a avaliação dos animais nos seus grupos para identificarmos os superiores na fase pré e pós desmama não teremos animais competitivos em exposições. Se pré-selecionamos animais eleitos para as exposições podamos a possibilidades de avaliá-los nas suas condições reais de criação. E assim forma-se o impasse: selecionar ou expor?

O bom desempenho nas exposições confere aos criadores importante promoção, divulgação das suas fazendas e fortalecimento de suas marcas. O resíduo deste êxito atinge em muito até a valorização dos demais reprodutores vendidos nas fazendas ou em leilões. Desta forma, pode-se concluir que participar em exposições pode ser bem mais efetivo do que investimentos em marketing e publicidade. Pode ter sido assim até pouco tempo atrás, mas diversas informações devem nos fazer refletir: a bateria de touros das centrais de inseminação tem cada vez maior participação de touros selecionados por programas de avaliação genética (desempenho) e menos por campeões. Entre os touros importados por estas empresas a quase totalidade é de animais com dados como argumentos técnicos de venda. Os grandes programas de cruzamento do Brasil contribuíram com a venda de 3 milhões de doses de sêmen de Angus em 2012 e estes priorizam touros com dados técnicos e não premiados.

As exposições têm suas virtudes, mas temos o dever de repensá-las. O RS está bem representando na FEICORTE especialmente pelas associações de Angus e Hereford/Braford. Ambas estão dedicadas a valorizar os diferenciais de suas raças, em divulgar a contribuição desta genética nos programas de cruzamento e em demonstrar a qualidade da carne de seus produtos.  Com mais arrojo algumas iniciativas estão usando bem os espaços e rede de negócios das exposições com ações bem distintas das usuais. Destaco o exemplo da Fazenda Jacarezinho e Delta Gen que valorizam e promovem seus programas de avaliação genética e seleção objetiva . Neste ano a Jacarezinho fez uma linha do tempo dos 20 anos do touro Nelore Kulau, desde o processo correto na sua identificação como touro para precocidade, o método de comprovar esta característica em sua produção e a influência de sua genética em diversos touros atuais desta seleção. Para ilustrar, alguns filhos de Kulal estão sendo apresentados como concretização deste trabalho.

Provavelmente as exposições não sejam mais o melhor lugar para selecionarmos os melhores animais, mas provavelmente seguem sendo um grande espaço para valorizarmos nosso trabalho como selecionadores e produtores de carne de qualidade.   

Publicado no Jornal Folha do Sul, Caderno Campo (20 jun 2013)

Maisartigos

  • ANGUS: touros com mais de 500 filhos avaliados

    Informação | 15 de Dezembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Os sumários de touros são boas fontes para compreendermos os movimentos que as raças vivem. As informações disponíveis vão muito além de saber a DEP do touro A ou B para peso ao nascer, perímetro escrotal e diferentes índices (desmam...
  • Anguistas e branguistas: é passada a hora do marmoreio

    Genética, Informação | 18 de Novembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    A essa altura do campeonato da carne de qualidade no Brasil, zero novidade falar em marmoreio. Mas, para os selecionadores, especialmente das raças Angus e Brangus, é o momento de olhar e agir com mais atenção para animais superiores genetica...
  • Aliança Braford faz R$ 8,3 mil para touros em Lavras do Sul

    Informação | 27 de Outubro de 2019
    Foto: Katega Vaz
    Dando continuidade aos remates oficializados pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), foi realizado no último sábado, dia 19 de outubro, no Sindicato Rural de Lavras do Sul (RS), mais uma edição do Remate Aliança Braford, promovido pelas Estâncias Cochilhas, Pontezuela, Três Marias e São Bento. ...
  • Touros: do Colonial ao Genômico

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Redigo, hoje, influenciado pela atmosfera da temporada de primavera do Rio Grande do Sul, pois já foi dada alargada e ainda estou envolvido com acertos, fretes e documentos de alguns touros adquiridos para clientes no leilão da GAP Genética. R...
  • Genética Nacional: Panorama dos touros Angus e Brangus nas centrais de inseminação

    Genética, Informação, Mercado | 16 de Setembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Angus, Nelore e Brangus dominam o mercado de inseminação de bovinos de corte no Brasil. Exagero? Vamos aos números. Conforme a ASBIA, em 2018, as raças de corte venderam, no Brasil, aproximadamente, 9,6 milhões de doses. Da raça Angus, 4,9 milhões de doses foram vendidas; seguida por Nelore, com 3,3 milhões; e Br...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais