Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 20/02/2020

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Ficou complicado comprar um touro (que bom)

Genética | 16 de Agosto de 2013
por Fernando Furtado Velloso

A Expointer está batendo na porta e, na sequência, a temporada de primavera com a venda de reprodutores. De setembro a meados de novembro, temos agenda cheia de leilões de touros, desde os tradicionais (tendo alguns cinquentenários) até os novatos e estreantes buscando algum espaço neste mercado disputado.

O pecuarista que vai às compras tem fartas opções e modalidades: remates particulares, leilões dos sindicatos em suas expofeiras, vendas diretas, vendas online, transmissão de leilões por televisão ou internet e por aí vai.

Pois bem, escolher e adquirir um touro tornou-se uma tarefa mais complexa, mas por bons motivos: hoje, temos mais ferramental técnico para avaliar um animal de forma objetiva. Os reprodutores são ofertados com dados técnicos de desempenho, DEPs das avaliações genéticas, medidas e DEPs das avaliações ultrassonográficas de carcaça (Área de Olho de Lombo, Cobertura de Gordura e Marmoreio), animais Dupla Marca ou possuidores de CEIP (Certificado Especial de Identificação e Produção) e até análises feitas a partir do DNA colhido de cada animal (chamados Marcadores Moleculares). É bastante coisa e, para complicar, mais esta tarefa, muitas das características têm correlações negativas, ou seja, o touro que é muito bom para uma característica, normalmente é inferior para outra. O DEP nos ajuda muito a reduzir os erros, pois é um índice que nos fala somente da genética do animal e do que será transmitido aos seus filhos (Diferença Esperada na Progênie).

Esta situação é positiva e entusiasmante, pois é um processo sem fim. A cada ano, são incorporadas novas tecnologias ou processos na seleção e melhoramento dos bovinos. Um ponto muito positivo, pensando em oportunidade, é que na fase que estamos vivendo é possível adquirir um touro muito bom por um valor médio de mercado. Pois, a grande maioria dos compradores de reprodutores, ainda não domina a tecnologia disponível para bem escolher o touro certo para seu rebanho. Aqui, cabe ainda, um parênteses: o melhor touro para a sua necessidade não é necessariamente o touro que todos entendem como o melhor do remate.

Estamos ainda com bom tempo para avaliar onde buscar os reprodutores que terão grande impacto em nossos rebanhos (positivo ou negativo!) e também tempo para buscar informação sobre os diferenciais das boas seleções (que tenham programas sérios e objetivos). Busque informações sobre os leilões de seu interesse, solicite os dados técnicos antecipadamente, analise a informação antes dos remates ou busque apoio especializado para interpretar os dados técnicos. Priorize leilões que vendem animais com Avaliação Genética (DEPs), pois não há porque comprar uma máquina sem especificações técnicas conhecidas.
De fato, ficou complicado comprar um touro. Que bom!

Publicado no Jornal Folha do Sul em 15 de agosto de 2013 

Maisartigos

  • Negocio Direto: fazendo em vez de esperar

    Informação, Mercado | 14 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    A ação é melhor que a inércia. Quem sabe faz a hora, não espera acontecer. Se Maomé não vai à montanha, a montanha vai a Maomé, e por aí vai. O propósito deste meu texto é compartilhar algumas informações sobre o Grupo de Produtores...
  • EAD pode causar prejuízos na formação do médico veterinário

    Informação | 09 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por João Carlos Gonzales, presidente da Academia Rio-Grandense de Medicina Veterinária

    A recente autorização governamental para que instituições com curso de medicina veterinária utilizem 40% do tempo na forma de ensino a distância (EAD), isto é, por correspondência e/ou internet, despertou a atenção para pos...
  • SC: Verdi realiza bonificação dos primeiros animais Hereford e Braford

    Informação | 06 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Frigorífico catarinense e ABHB fizeram abate certificado pelo programa Carne Pampa Aconteceu no dia 4 de fevereiro o primeiro abate experimental certificado pelo Programa Carne Pampa, da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB) do Frigorífico Verdi, localizado no município de Pouso Redondo (SC). Foram reu...
  • ABS NEO: Produtor comemora taxa de prenhez acima de 55% com o uso de embriões

    Informação | 06 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Resultado foi registrado na Fazenda Maranata, no norte do Tocantins O ABS NEO vem se tornando um produto cada vez mais popular entre os produtores. Após decidir investir na solução genética da ABS, um produtor do norte do Tocantins obteve resultados impressionantes já na primeira aplicação - com 204 embriões tra...
  • Angus Austrália: ganhos com a seleção para docilidade

    Informação | 30 de Janeiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Uma das características em que os pecuaristas dão alto nível de importância ao tomar decisões de seleção, se não a característica mais importante, é o temperamento. Esta importância foi destacada em uma pesquisa recente com mais de 1.200 produtores de carne bovina na Austrália, que constatou que o temperamen...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais