Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 20/11/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Entre milhares de touros, lá está o seu

Leilões | 12 de Setembro de 2013

Remates 2013

Foto: Divulgação/Assessoria

Por Fernando Furtado Velloso

Na temporada de primavera gaúcha deverão ser ofertados mais de 5 mil touros, sendo a grande maioria das raças Angus e Braford. O número nos estimula e até nos anima, pois no meio desta tourada não deve ser tão difícil encontrar o reprodutor que atenda as necessidades de seu rebanho.

Pois bem, observe que um bom reprodutor deve lhe atender satisfatoriamente em duas áreas bem distintas:
a) na produção de matrizes de reposição para seu gado e
b) na produção de terneiros ou novilhos para ofertar no mercado.

Pode parecer simples, mas note que são características em algumas vezes antagônicas: para que seu rebanho de cria seja eficiente a genética não deve ser de animais muito grandes e exigentes, pois maior tamanho adulto leva a menor eficiência reprodutiva em condições de campo e maiores problemas de parto (distocia). As fêmeas além de moderadas em tamanho devem ser boas mães (boa produção leiteira) e normalmente esta característica está correlacionada negativamente com animais bem musculosos (os touros mais bonitos). Do lado oposto, terneiros e novilhos pesados são produtos de touros maiores e com alto potencial para ganho de peso.

Mas, existem touros que atendem satisfatoriamente estas duas condições simultaneamente? Sim, existem touros equilibrados em ambas as áreas e touros extremos que somente servem para uma coisa ou outra (formação de rebanhos de cria ou cruzamento terminal). Atualmente dispomos de diversas informações técnicas que nos ajudam a indentificar estes animais e assim escolher com mais precisão o reprodutor que contribuirá com nosso rebanho. Volto ao meu assunto recorrente de DEPs, touros Dupla Marca, Sumários de Touros, seleção objetiva, etc.

Lembre que a escolha do touro define a genética de 50% de nosso rebanho e que assim é um tema que merece atenção, tempo e investimento. O acerto pode contribuir com um grande salto em produtividade em sua pecuária, mas um erro pode lhe custar muito e por muitos anos. Se um bom touro custa 4 novilhos ou 10 terneiros já temos uma base para definir os nossos investimentos na reposição de touros e que seja por um bom touro. Entre milhares de touros desta temporada lá está o seu!

Publicado no Jornal Folha do Sul, Caderno Campo (12 Set 2013)

Maisartigos

  • Anguistas e branguistas: é passada a hora do marmoreio

    Genética, Informação | 18 de Novembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    A essa altura do campeonato da carne de qualidade no Brasil, zero novidade falar em marmoreio. Mas, para os selecionadores, especialmente das raças Angus e Brangus, é o momento de olhar e agir com mais atenção para animais superiores genetica...
  • Aliança Braford faz R$ 8,3 mil para touros em Lavras do Sul

    Informação | 27 de Outubro de 2019
    Foto: Katega Vaz
    Dando continuidade aos remates oficializados pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), foi realizado no último sábado, dia 19 de outubro, no Sindicato Rural de Lavras do Sul (RS), mais uma edição do Remate Aliança Braford, promovido pelas Estâncias Cochilhas, Pontezuela, Três Marias e São Bento. ...
  • Touros: do Colonial ao Genômico

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Redigo, hoje, influenciado pela atmosfera da temporada de primavera do Rio Grande do Sul, pois já foi dada alargada e ainda estou envolvido com acertos, fretes e documentos de alguns touros adquiridos para clientes no leilão da GAP Genética. R...
  • Genética Nacional: Panorama dos touros Angus e Brangus nas centrais de inseminação

    Genética, Informação, Mercado | 16 de Setembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Angus, Nelore e Brangus dominam o mercado de inseminação de bovinos de corte no Brasil. Exagero? Vamos aos números. Conforme a ASBIA, em 2018, as raças de corte venderam, no Brasil, aproximadamente, 9,6 milhões de doses. Da raça Angus, 4,9 milhões de doses foram vendidas; seguida por Nelore, com 3,3 milhões; e Br...
  • Touro Dupla Marca é a geladeira com selo A

    Genética, Informação | 15 de Agosto de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Redigir e discutir critérios de escolha de touros é tema que se repete, mas é matéria sem fim e que se renova a cada temporada de leilões de reprodutores e aquisição de sêmen. A necessidade se apresenta a cada ano, e os fatores que participam da decisão vão se tornando mais complexos com a incorporação cresce...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais