Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 22/04/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Cartão vermelho aos prepúcios - Parte II

Reprodução | 08 de Janeiro de 2014

Prepúcios

Foto: Divulgação/Assessoria

Por Pedro Brasil, Médico Veterinário, Técnico licenciado ABHB
 
Conscientes do alto-domínio que devemos ter afim de eliminarmos um terneiro raçudo, pesado, estruturado, de destacada manta de carne, que é comum nos animais de prepúcio 4, concordo que não é fácil, mas temos de estar convictos de que a reprodução é o pilar básico de toda a cadeia produtiva.

Minha vida profissional está baseada nas palavras finais do discurso de meu paraninfo, no ano de 1966 – UFRGS: “Como autênticos veterinários, não titubiareis em eliminar um animal, por maiores que sejam seus galardões fenótipos, se comprovardes ser portador de fatores de infertilidade. Sabeis não ser lícito recuperar certas formas de esterilidade, por maior fama que tal cura vos puder trazer. Como autênticos veterinários, tereis sempre presente o sentido econômico de nossa profissão, voltada para os problemas de produção”.

Espero que agora os senhores entendam os por quês de nossa preocupação. Não basta somente nos preocuparmos com os touros, pois as fêmeas igualmente são responsáveis pela sua herança genética.

Ao lado, gráfico dos graus de prepúcio normativos de nossa ABHB, onde considero, conforme artigo anterior, que para o ‘bem’ do Braford Brasileiro, prepúcio 4, tanto em touros quanto nas fêmeas, deveriam ser eliminados no julgamento de admissão de nossas exposições, mas para isto é preciso coragem e respaldo técnico.

Escores e Descrição:
  1. Correto
  2. Bom
  3. Regular
  4. Admissível
  5. Inaceitável
Outra vez, repito: “os animais não têm culpa de nossos erros de seleção”... assim o homem já criou os anões, na busca dos precoces, assim também foram selecionadas linhagens de reprodutores ‘paletudos’, com problemas de partos distócicos, tudo por que o olho do selecionador indicava serem mais pesados ou mais carniceiros...

Mas este tema dos prepúcios não é particularmente das raças ditas sintéticas (europeias x zebuínas), mas também é preocupante nas raças puras, pelo que trataremos no próximo artigo.

Parabenizo os grandes campões e reservados de Esteio 2013, galpão e rústicos, pela correção de seus prepúcios, comprovando como deve ser o Braford do Brasil. 

Fonte: Informativo Pampa Pampiano  (Ed. Dez /2013) 

Maisartigos

  • Como produzir o Touro Jovem Angus nº1? (Ou em outra raça)

    Genética, Informação, Mercado | 15 de Abril de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Envolvido em nossas tarefas rotineiras com reprodutores e, atualmente, mais com doadores de sêmen ou candidatos a tal, troquei, em 21 de março, várias mensagens com o nosso colega e cliente Ney Conti, da empresa Zebu Fértil. Em uma delas, revisando documentos de novos touros Angus que terão sêmen coletado, falávam...
  • IATF gera ganhos que superam R$ 3,5 bilhões nas cadeias de produção de carne e de leite

    Genética, Informação, Mercado | 28 de Março de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Boletim Eletrônico do Departamento de Reprodução Animal/FMVZ/USP
    Edição 2, de 21 de março de 2019

    (Cada R$1,00 investido na tecnologia gera retorno de R$4,50; Mercado conta com 3.800 especialistas no campo) Segundo estimativas do Departamento de Reprodução Animal da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da ...
  • Céu de brigadeiro para a terneirada

    Genética, Informação, Mercado | 15 de Março de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha Os analistas de mercado se debruçam sobre séries históricas de preços, estoque, abates, mercado futuro, mercado de grãos, precipitação, cenários políticos e econômicos nacional e internacional para traçar tendências de preço para o...
  • Embrapa: Algoritmos no comando das nossas vidas

    Genética, Informação, Mercado | 19 de Fevereiro de 2019
    Foto: Imagens da Internet
    Algoritmos fazem, cada vez mais, parte das nossas vidas, razão por que precisamos entender o que são e as possibilidades que nos oferecem. É fácil entender a função dos algoritmos quando os comparamos, por exemplo, a uma simples receita. Para fazer um bolo é necessário seguir um conjunto definido de instruções ...
  • "Debreia" nas DEPs

    Genética, Informação, Mercado | 15 de Fevereiro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Não se assustem, pois não venho aqui questionar ou criticar o uso dos dados dos programas de melhoramento de bovinos, pois participo desta igreja e também sou um pregador da seleção objetiva. Talvez eu faça mais esta pregação que muitos p...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais