Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 17/10/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Cartão vermelho aos prepúcios - Parte II

Reprodução | 08 de Janeiro de 2014

Prepúcios

Foto: Divulgação/Assessoria

Por Pedro Brasil, Médico Veterinário, Técnico licenciado ABHB
 
Conscientes do alto-domínio que devemos ter afim de eliminarmos um terneiro raçudo, pesado, estruturado, de destacada manta de carne, que é comum nos animais de prepúcio 4, concordo que não é fácil, mas temos de estar convictos de que a reprodução é o pilar básico de toda a cadeia produtiva.

Minha vida profissional está baseada nas palavras finais do discurso de meu paraninfo, no ano de 1966 – UFRGS: “Como autênticos veterinários, não titubiareis em eliminar um animal, por maiores que sejam seus galardões fenótipos, se comprovardes ser portador de fatores de infertilidade. Sabeis não ser lícito recuperar certas formas de esterilidade, por maior fama que tal cura vos puder trazer. Como autênticos veterinários, tereis sempre presente o sentido econômico de nossa profissão, voltada para os problemas de produção”.

Espero que agora os senhores entendam os por quês de nossa preocupação. Não basta somente nos preocuparmos com os touros, pois as fêmeas igualmente são responsáveis pela sua herança genética.

Ao lado, gráfico dos graus de prepúcio normativos de nossa ABHB, onde considero, conforme artigo anterior, que para o ‘bem’ do Braford Brasileiro, prepúcio 4, tanto em touros quanto nas fêmeas, deveriam ser eliminados no julgamento de admissão de nossas exposições, mas para isto é preciso coragem e respaldo técnico.

Escores e Descrição:
  1. Correto
  2. Bom
  3. Regular
  4. Admissível
  5. Inaceitável
Outra vez, repito: “os animais não têm culpa de nossos erros de seleção”... assim o homem já criou os anões, na busca dos precoces, assim também foram selecionadas linhagens de reprodutores ‘paletudos’, com problemas de partos distócicos, tudo por que o olho do selecionador indicava serem mais pesados ou mais carniceiros...

Mas este tema dos prepúcios não é particularmente das raças ditas sintéticas (europeias x zebuínas), mas também é preocupante nas raças puras, pelo que trataremos no próximo artigo.

Parabenizo os grandes campões e reservados de Esteio 2013, galpão e rústicos, pela correção de seus prepúcios, comprovando como deve ser o Braford do Brasil. 

Fonte: Informativo Pampa Pampiano  (Ed. Dez /2013) 

Maisartigos

  • Touros: do Colonial ao Genômico

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Redigo, hoje, influenciado pela atmosfera da temporada de primavera do Rio Grande do Sul, pois já foi dada alargada e ainda estou envolvido com acertos, fretes e documentos de alguns touros adquiridos para clientes no leilão da GAP Genética. R...
  • Genética Nacional: Panorama dos touros Angus e Brangus nas centrais de inseminação

    Genética, Informação, Mercado | 16 de Setembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Angus, Nelore e Brangus dominam o mercado de inseminação de bovinos de corte no Brasil. Exagero? Vamos aos números. Conforme a ASBIA, em 2018, as raças de corte venderam, no Brasil, aproximadamente, 9,6 milhões de doses. Da raça Angus, 4,9 milhões de doses foram vendidas; seguida por Nelore, com 3,3 milhões; e Br...
  • Touro Dupla Marca é a geladeira com selo A

    Genética, Informação | 15 de Agosto de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Redigir e discutir critérios de escolha de touros é tema que se repete, mas é matéria sem fim e que se renova a cada temporada de leilões de reprodutores e aquisição de sêmen. A necessidade se apresenta a cada ano, e os fatores que participam da decisão vão se tornando mais complexos com a incorporação cresce...
  • A internet, os acessos e a revista impressa

    Genética, Informação | 13 de Julho de 2019
    Foto: Assessoria de Imprensa ABS
    Acredito que todo aquele que escreve uma coluna, um artigo ou uma crônica tenha muita curiosidade de saber se é lido, se é lido por muitos, se o tempo dedicado em reunir palavras e ideias gerou interesse e teve utilidade para quem o lê. Não é busca por aprovação ou aplausos, mas o interesse
    real em saber a opiniã...
  • Austrália: quais touros Angus são os mais influentes da raça?

    Informação | 25 de Junho de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Em associação com as comemorações do centenário da Angus Austrália, o Dr. Sam Clark, Professor Sênior de Genética Animal na Universidade da New England, pesquisou os touros mais influentes da raça Angus desde 1990. Veja as informações nos vídeos publicados o site da Angus Austrália. Clique aqui. 

    A publica...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais