Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 15/12/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Montana e UNESP Botucatu firmam parceria

Informação | 10 de Dezembro de 2015

Montana e UNESP Botucatu firmam parceria

Foto: Divulgação/Assessoria

Acordo visa pesquisas de cruzamento entre Montana x Nelore com foco na qualidade de carne

O Programa Montana firmou parceria com a Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da UNESP, campus de Botucatu, SP, para fornecer reprodutores para o rebanho comercial da universidade. O objetivo é fazer pesquisas com os produtos do cruzamento industrial entre Montana x Nelore, focando, essencialmente, na qualidade da carne.

“É uma excelente oportunidade para mostrar a força da genética do Composto Montana e sua contribuição para a melhoria da qualidade da carne, além de outros atributos, como fertilidade, precocidade e ganho de peso”, comenta Gabriela Giacomini, gerente de operações do Programa Montana.

A FMVZ-UNESP Botucatu é integrante do Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e possui um rebanho de matrizes Nelore avaliadas e também um rebanho comercial.

"Com o crescente interesse no uso de genética taurina em matrizes zebuínas para obtenção de heterose e melhoria de qualidade de carne, acreditamos que haja necessidade de maiores estudos com as diferentes opções de raças taurinas e compostos disponíveis no mercado. Pretendemos conduzir pesquisas envolvendo matrizes F1 Nelore-Montana bem como avaliação da qualidade da carne de animais com genética Montana terminados em pastagens e confinamento. O fato de que os touros Montana podem ser utilizados em monta natural foi bastante importante para a escolha do composto", destacam os professores Otávio Rodrigues Machado Neto e Cyntia Ludovico Martins, da UNESP Botucatu.

O Programa Montana trabalha há mais de 20 anos na seleção e produção de touros compostos com foco na alta produtividade. O programa avalia os rebanhos de 12 criatórios distribuídos nos Estados do Pará, Goiás, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e também no Norte do Uruguai. Os 30% melhores animais de casa safra são marcados Certificado Especial de Identificação e Produção (CEIP), outorgado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)

Fonte: Portal DBO 

 

Maisartigos

  • ANGUS: touros com mais de 500 filhos avaliados

    Informação | 15 de Dezembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Os sumários de touros são boas fontes para compreendermos os movimentos que as raças vivem. As informações disponíveis vão muito além de saber a DEP do touro A ou B para peso ao nascer, perímetro escrotal e diferentes índices (desmam...
  • Anguistas e branguistas: é passada a hora do marmoreio

    Genética, Informação | 18 de Novembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    A essa altura do campeonato da carne de qualidade no Brasil, zero novidade falar em marmoreio. Mas, para os selecionadores, especialmente das raças Angus e Brangus, é o momento de olhar e agir com mais atenção para animais superiores genetica...
  • Aliança Braford faz R$ 8,3 mil para touros em Lavras do Sul

    Informação | 27 de Outubro de 2019
    Foto: Katega Vaz
    Dando continuidade aos remates oficializados pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), foi realizado no último sábado, dia 19 de outubro, no Sindicato Rural de Lavras do Sul (RS), mais uma edição do Remate Aliança Braford, promovido pelas Estâncias Cochilhas, Pontezuela, Três Marias e São Bento. ...
  • Touros: do Colonial ao Genômico

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Redigo, hoje, influenciado pela atmosfera da temporada de primavera do Rio Grande do Sul, pois já foi dada alargada e ainda estou envolvido com acertos, fretes e documentos de alguns touros adquiridos para clientes no leilão da GAP Genética. R...
  • Genética Nacional: Panorama dos touros Angus e Brangus nas centrais de inseminação

    Genética, Informação, Mercado | 16 de Setembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Angus, Nelore e Brangus dominam o mercado de inseminação de bovinos de corte no Brasil. Exagero? Vamos aos números. Conforme a ASBIA, em 2018, as raças de corte venderam, no Brasil, aproximadamente, 9,6 milhões de doses. Da raça Angus, 4,9 milhões de doses foram vendidas; seguida por Nelore, com 3,3 milhões; e Br...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais