Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 18/04/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

ABS NEO: com 1 ano de mercado, nova tecnologia conquista criadores

Informação | 28 de Janeiro de 2016

Durante o período, ABS NEO cresceu tanto que se tornou um dos pilares para o futuro crescimento da empresa

Ele tem apenas um ano de mercado e já é um dos produtos mais importantes do portfólio da ABS Global. O sucesso do revolucionário ABS NEO, lançado em dezembro de 2015, já é registrado em todas as regiões brasileiras e, com as vendas expressivas, se tornou um dos pilares para o futuro crescimento da ABS.

O gerente de Mercado e Contas Chave da ABS Pecplan, Frederico Glaser, atribui o sucesso a vantagens como aumento da velocidade de ganho genético, facilidade na implantação e possibilidade de melhor organização da rotina reprodutiva da Fazenda. “O mercado está reconhecendo a importância dessa tecnologia para a promoção da lucratividade do negócio. E, agora, promete ser a grande tecnologia desta estação de corte” ressalta.

O ABS NEO é o primeiro fruto depois da aquisição da IVB (In Vitro Brasil) pela ABS, oferecendo melhoramento genético já pronto via embriões congelados por uma tecnologia exclusiva IVB Transfer. Ainda de acordo com Glaser, os primeiros resultados reprodutivos deram ainda mais garantia da eficiência e viabilidade do produto, contribuindo para o sucesso do ABS NEO. “Os pecuaristas que investiram, no início de forma cautelosa, registraram índices de concepção expressivos e, com isso, e pouco tempo, nos procuraram de novo e aumentaram o negocio”, comenta.

É o caso de Ilson Correa, diretor da Agropecuária Grendene, que testou a tecnologia com 200 embriões. O resultado de mais de 53% de taxa de concepção o animou a dobrar os investimentos de imediato e, agora, já planeja uma utilização ainda maior em 2017. “O ABS Neo me possibilita um melhor planejamento de manejo do gado. Minha intenção, é começar a produção de embriões em abril e começar a transferência em julho, garantindo que os bezerros nasçam em época estratégica para o grupo”, ressalta.

A Cialne (Companhia de Alimentos do Nordeste), uma das maiores produtoras de alimento do mundo, já se transformou em uma grande cliente ABS NEO. Já foram 1.100 embriões transferidos e a expectativa, como conta o médico veterinário Péricles Montezuma, que monitora o rebanho, é continuar investindo na tecnologia. “O ABS NEO é um grande aliado na busca por buscar fixar nossos animais em meio sangue Girolando”, comenta, lembrando que a taxa de concepção chegou a mais de 57%.
No sul, a tecnologia também faz sucesso. O criador Thiago Mascarenhas Jobim Van Hoogstraten, da Fazenda FIlipinhos em Dilemarndo Aguiar (Rio Grande do Sul), que é parceiro da ABS há mais de 10 anos na compra de sêmen, começou a investir no ABS NEO. O foco é a linha Nelore Pro com genética do Rancho da Matinha. “Buscamos um animal lucrativo e adaptado a nossa região e essa ferramenta ABS NEO para a produção nos interessou muito", elogia.

Linhas Genéticas

Pelo ABS NEO, o melhoramento já vem pronto através de um rigoroso processo de seleção para características produtivas. Foram projetadas e elaboradas linhas genéticas para atender as principais necessidades do campo. Atualmente, estão disponíveis: Nelore Pro, Nelore Reposição Eficiente, Senepol Plus, Produtividade Leiteira, Leite A Pasto e Tecnologia Leiteira.

São rebanhos parceiros da ABS, fornecendo genética materna para o ABS NEO: Rancho d a Matinha, Tulipa Agropecuária, Nelore RG, Jacarezinho Agropecuária, Santa Luzia, Xapetuba, Agrindus, Estância Silvania e Senepol San.

Fonte: ABS Pecplan

Maisartigos

  • Como produzir o Touro Jovem Angus nº1? (Ou em outra raça)

    Genética, Informação, Mercado | 15 de Abril de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Envolvido em nossas tarefas rotineiras com reprodutores e, atualmente, mais com doadores de sêmen ou candidatos a tal, troquei, em 21 de março, várias mensagens com o nosso colega e cliente Ney Conti, da empresa Zebu Fértil. Em uma delas, revisando documentos de novos touros Angus que terão sêmen coletado, falávam...
  • IATF gera ganhos que superam R$ 3,5 bilhões nas cadeias de produção de carne e de leite

    Genética, Informação, Mercado | 28 de Março de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Boletim Eletrônico do Departamento de Reprodução Animal/FMVZ/USP
    Edição 2, de 21 de março de 2019

    (Cada R$1,00 investido na tecnologia gera retorno de R$4,50; Mercado conta com 3.800 especialistas no campo) Segundo estimativas do Departamento de Reprodução Animal da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da ...
  • Céu de brigadeiro para a terneirada

    Genética, Informação, Mercado | 15 de Março de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha Os analistas de mercado se debruçam sobre séries históricas de preços, estoque, abates, mercado futuro, mercado de grãos, precipitação, cenários políticos e econômicos nacional e internacional para traçar tendências de preço para o...
  • Embrapa: Algoritmos no comando das nossas vidas

    Genética, Informação, Mercado | 19 de Fevereiro de 2019
    Foto: Imagens da Internet
    Algoritmos fazem, cada vez mais, parte das nossas vidas, razão por que precisamos entender o que são e as possibilidades que nos oferecem. É fácil entender a função dos algoritmos quando os comparamos, por exemplo, a uma simples receita. Para fazer um bolo é necessário seguir um conjunto definido de instruções ...
  • "Debreia" nas DEPs

    Genética, Informação, Mercado | 15 de Fevereiro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Não se assustem, pois não venho aqui questionar ou criticar o uso dos dados dos programas de melhoramento de bovinos, pois participo desta igreja e também sou um pregador da seleção objetiva. Talvez eu faça mais esta pregação que muitos p...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais