Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 28/10/2020

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Leilões: História, suas Dinâmicas, e Psicologias - Cap.3 - Primeiras feiras e leilões de pecuária na Argentina

Informação | 17 de Novembro de 2016

                                                                                                             Texto de: Celso Jaloto Avila Junior – 17/Nov/2016

Os leilões de bovinos foram mais tardios. Enquanto as atividades leiloeiras se faziam presentes em todos os setores, vendendo os artigos mais diversos, a pecuária ficou a espera do seu momento certo. Esse momento se deu a partir das feiras e exposições de animais selecionados que gradativamente ao melhorar os seus plantéis geravam interesse na aquisição de touros e fêmeas que se destacavam nas exposições.

Se os leilões tiveram força na venda de obras de arte, na pecuária ocorre exatamente a esta semelhança. Ou seja, foram através dos animais de elite que se destacavam nas exposições, que motivaram os interesses para o início dos leilões na pecuária.

Neste particular os nossos vizinhos, Argentina e Uruguai, foram os primeiros a se organizarem para esses eventos. Leiam: “Historia de los remates feria en Argentina: comercialización de ganado en Argentina, Australia, Brasil, Estados Unidos y Uruguay - compilado por Néstor Perez Ortega - Buenos Aires: Cámara Argentina de Consignatarios de Ganado, 2005”.

A primeira mostra expositora de animais ocorre em 1858. Foi realizada no campo próximo a cidade de Buenos Aires onde anos mais tarde foi organizado e construído o parque de exposições de Palermo. Segundo os periodistas da época, foi “assombrosa” a indiferença e desinteresse como foi recebido aquele evento, pelos portenhos. Entretanto, a partir da década de 1890 com as associações rurais organizadas, toma força e maior interesse.

Na verdade os produtores rurais buscaram se organizar através de suas Associações e Sociedades Rurais com a finalidade de somar esforços e buscar a melhoria da sua produção e melhoramento de seus rebanhos, com o incremento de reprodutores premiados ou reprodutores importados de cabanhas estrangeiras.

Destacaram-se como primeiras firmas leiloeiras, sendo fundadas nos seguintes anos: J. M. Méndez (1865), Adolfo Jorge Bullrich (1867), Pedro e Antonio Lanusse (1872), e Mariano Billinghurst. Como curiosidade, a sede a empresa de Bullrich era o prédio onde hoje está o remodelado e luxuoso Centro Comercial “Patio Bullrich”, que leva seu nome e está localizado na cidade de Buenos Aires. Outra curiosidade é que no Mercado de Bovino de Linier, em Buenos Aires, hoje tem um pavilhão com o nome destes dois leiloeiros, Pedro e Antonio Lanusse.

Ilustrações:
• Fotografia da Sociedade Rural de Palermo – Buenos Aires 1875
• Fotografia de Exposição de Palermo – Séc XIX
• Fotografia de uma Feira Antiga – Séc XIX
• Fotografias dos Leiloeiros Precursores da Argentina – Séc XIX

Maisartigos

  • Pecuária do Sul: vamos azebuar tudo !!!

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha (É o paradoxo estendido na areia, do Pampa) Nesta busca mensal de temas atuais para este espaço na Revista AG, venho sempre trocando ideias com a editora da Revista AG, Thaise Teixeira. Trocamos mensagens sobre as pautas principais da ediç...
  • Angus Recalada: tecnologia, genética e touros para a pecuária moderna

    Informação | 05 de Outubro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Saudações.

    Nesta mesma época em 2019, trouxemos neste catálogo um pouco dos fundamentos técnicos considerados pelo programa de seleção da Cabanha Recalada para: Crescimento e Carcaça. Reprodução e Maternal, e Adaptação e Função. Os quesitos indicados para realizarmos seleção efetiva nestas áreas seguem v...
  • Montana vende touros por R$ 12,5 mil no leilão De Olho Na Fazenda

    Informação | 05 de Outubro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Semana de leilões teve destaque para novilhas super precoces, com lance médio de R$ 7,3 mil

    O Programa Montana comercializou 45 touros e 17 novilhas durante o programa De Olho na Fazenda, realizado entre 14 e 17 de setembro. O lance médio para os machos chegou a R$ 12.500,00, enquanto para as fêmeas foi de R$ 7.300,00...
  • Lote 6 - Recalada 139 Combate

    Informação | 01 de Outubro de 2020
    Destaque - Angus Recalada 2020
    07/10 - Pelotas - Lance Rural

    Lote 6 - Recalada 139 Combate
     (SAV Resource x SAV Bismark)
    Homozigoto Preto 
    Dupla Marca
    Touro Jovem Promebo 2019 (TJ) 
    Suporte Técnico:
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha Velloso      - 051 9 9835 8100
    José Pedro - 051 9 8244 2631

    Consulte cat...
  • Leilão Charolês 50 anos faz R$ 13,2 mil nos touros

    Informação | 29 de Setembro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Realizado neste sábado (26/09) o Leilão Charolês 50 Anos alcançou muito bons resultados em sua edição virtual. Os touros foram comercializados por R$ 13,2 mil e as terneiras por R$ 5,8 mil. Também foram ofertados 40 embriões com valor médio de R$ 2,3 mil.
    Entre os destaques da venda estão: Jotabe Otto 6071 ...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais