Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 21/02/2020

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Angus Austrália: por mais benefícios da genômica

Informação | 14 de Março de 2017

GENÔMICA, o termo dado para descrever um gama de tecnologias baseadas em DNA relacionadas à estrutura, função, evolução e mapeamento de genomas, é uma ciência que recebe muito interesse em todo o mundo entre criadores de todas espécies.

Em abril de 2011, o primeiro grupo de EBVs (Estimated Breeding Value) foi calculado na avaliação genética do Angus BreedPlan incluindo informação genômica.
Este foi o anúncio de uma nova era para avaliação genética de animais Angus na Austrália e Nova Zelândia, com estimativas genômicas agora analisadas na rotina da avaliação genética no Angus BreedPlan para mais de 20.000 animais, de 5 diferentes produtos genômicos, e para até 14 diferentes características.

Embora a inclusão de informações genômicas tenha se tornado padrão no Angus BreedPlan, esta é uma ciência em evolução. Pesquisadores da Austrália e de outros países estão continuamente procurando melhores formas e mais eficientes de utilizar a informação na avaliação genética.

Uma forma diferente de usar a genômica
O procedimento corrente para incorporação da informação genômica no Angus BreedPlan usa um processo de 2 passos:

Passo 1 – envolve o uso de dados genômicos para gerar uma predição genômica do mérito genética do animal. Este resultado é referido usualmanete como MVB (Molecular Breeding Value) ou MVP (Molecular Value Prediction).


Passo 2 – combina a predição genômica do animal com o seu EBV tradicional, calculado a partir das informações de genealogia (pedigree) e desempenho, para gerar um EBV com maior acurácia. Este processo de combinar a previsão genômica e EBV é conhecido por “blend” (mistura).

Embora o modelo de análise em dois passos represente a abordagem mais sofisticada disponível no momento, diferente metodologias usando dados genômicos já foram desenvolvidas para uso mais efetivo e apropriado.

A Angus Austrália está agora trabalhando em colaboração com o pessoal da Animal Genetics & Breeding Unit (AGBU), o Instituto de Pesquisa Agropecuária (ABRI) e a Associação de Angus da Nova Zelândia, para implementar uma nova abordagem para a incorporação de dados genômicos no cálculo de EBVs no Angus BreedPlan.

Conhecido como “passo único” (single step), o novo modelo de análise utiliza simultaneamente informações genômicas, de pedigree e desempenho, colocando ênfase apropriada em todas as fontes de informações disponíveis, buscando gerar a melhor predição do mérito genético dos animais.

Vantagens do novo modelo de análise
A principal vantagem da nova metodologia é como as relações entre os animais são determinadas.
Com a abordagem tradicional baseada em pedigree, a relação entre os animais no Angus BreedPlan são determinadas somente pela genealogia. Por exemplo, os pedigrees irão predizer a mesma relação genética entre irmãos inteiros é 0,5, considerando que irmãos inteiros devem ter 50% de genes em comum quando calculadas os EBVs baseados em pedigree.

Compreendendo a forma como o DNA é herdado, é sabido que haverá variação entre esta relações, e a relação genética entre irmãos inteiros deve variar entre 0,4 a 0,6. 

Da mesma forma, o pedigree pode predizer que dois animais não estão relacionados, mas na realidade, os animais podem ter genes em comum, e ter relação genética maior que 0.

A nova abordagem de “passo único” melhora a precisão que os EBVs são calculados através de uma melhor quantificação das relações genéticas, utilizando a genômica e o pedigree para determinar a relação genética entre os animais.

Outros benefícios
Adicionalmente a melhor determinação da relação genética entre os animais, o “passo único” possui outros benefícios, incluindo:

  • Qualquer erro no pedigree dos animais será minimizado; 
  • A informação genômica não contribuirá somente para os EBVs do animal que foi genotipado, mas também contribuirá para os EBVs dos animais aparentados; 
  • A informação genômica contribuirá para todos EBVs calculados no BreedPlan e não somente para as 14 características iniciais. Não será ainda o uso para Facilidade de Parto Direta, Facilidade de Parto das Filhas, Docilidade e Escores Estruturais, pois são requeridos trabalhos futuros para estas características; 
  • A necessidade da frequente recalibração das equações de predição é dispensada, pois os efeitos genômicos estão sendo atualizados a cada vez que uma análise genética é conduzida no BreedPlan; 
  • O resultado final é que o novo método utilizará de forma otimizada as informações disponíveis e fornecerá aos criadores de Angus na Austrália e Nova Zelândia e melhor estimativa possível do mérito genético dos animais;

A implementação da metodologia “passo único” é um alta prioridade para a Angus Austrália e Angus NZ e deverá ocorrer na avaliação de dezembro/2017 do BreedPlan.


Fonte: Angus Australia / Beef Central
Traduzido e resumido pela Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

Maisartigos

  • Negocio Direto: fazendo em vez de esperar

    Informação, Mercado | 14 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    A ação é melhor que a inércia. Quem sabe faz a hora, não espera acontecer. Se Maomé não vai à montanha, a montanha vai a Maomé, e por aí vai. O propósito deste meu texto é compartilhar algumas informações sobre o Grupo de Produtores...
  • EAD pode causar prejuízos na formação do médico veterinário

    Informação | 09 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por João Carlos Gonzales, presidente da Academia Rio-Grandense de Medicina Veterinária

    A recente autorização governamental para que instituições com curso de medicina veterinária utilizem 40% do tempo na forma de ensino a distância (EAD), isto é, por correspondência e/ou internet, despertou a atenção para pos...
  • SC: Verdi realiza bonificação dos primeiros animais Hereford e Braford

    Informação | 06 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Frigorífico catarinense e ABHB fizeram abate certificado pelo programa Carne Pampa Aconteceu no dia 4 de fevereiro o primeiro abate experimental certificado pelo Programa Carne Pampa, da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB) do Frigorífico Verdi, localizado no município de Pouso Redondo (SC). Foram reu...
  • ABS NEO: Produtor comemora taxa de prenhez acima de 55% com o uso de embriões

    Informação | 06 de Fevereiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Resultado foi registrado na Fazenda Maranata, no norte do Tocantins O ABS NEO vem se tornando um produto cada vez mais popular entre os produtores. Após decidir investir na solução genética da ABS, um produtor do norte do Tocantins obteve resultados impressionantes já na primeira aplicação - com 204 embriões tra...
  • Angus Austrália: ganhos com a seleção para docilidade

    Informação | 30 de Janeiro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Uma das características em que os pecuaristas dão alto nível de importância ao tomar decisões de seleção, se não a característica mais importante, é o temperamento. Esta importância foi destacada em uma pesquisa recente com mais de 1.200 produtores de carne bovina na Austrália, que constatou que o temperamen...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais