Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 09/12/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

Touros? Antes do animal escolha o rebanho certo

Genética | 07 de Agosto de 2017

Por Fernando Furtado Velloso 
Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha 

 

 O touro é um insumo tão importante na pecuária como a semente é na agricultura. Considerando o impacto do reprodutor no rebanho (positivo ou negativo) do ponto de vista do tempo, o touro é um insumo ainda mais importante que a semente. O acerto (ou erro) na escolha não se dará no período restrito de uma safra, mas no mínimo por 18 meses (gestação mais tempo para desmame). Se o produtor retiver os filhos deste reprodutor para engorda ou as fêmeas para a cria o período de impacto será muito maior e alcançará vários anos no desempenho produtivo e econômico da propriedade. Compreendido isto fica fácil aceitar que a escolha do rebanho de origem dos touros (o fornecedor) é mais importante do que o próprio animal, pois os o sistema de produção e seleção do rebanho de origem será o pacote tecnológico contido no animal.

Algumas características que fazem um bom rebanho fornecedor de genética estão nos próximos 4 itens:

         1. Rebanho que faça de seleção de verdade

Um rebanho para, verdadeiramente, se intitular de “selecionador” deve tem um sistema de seleção com critérios bem definidos e disciplina para aplicá-los anualmente. Desta forma, serão continuamente medidos os dados de desempenho dos animais, descartados os inferiores e multiplicados intensivamente os indivíduos superiores (via inseminação ou transferência de embriões). Este conceito pode parecer demasiado simples e óbvio, mas saiba que poucos produtores de touros o aplicam com continuidade e rigor.
 
         2. Rebanho com produção de gado comercial (bezerros ou abate) 

O vendedor de touros precisa conhecer e dominar as “dores” do pecuarista. As necessidades e dificuldades da pecuária comercial (na produção de bezerros ou engorda) devem ser minimizadas através de um bom touro. O desempenho que o pecuarista busca através da boa taxa de prenhez, bom peso ao desmame, bom ganho de peso no confinamento deve ser potencializado pelo bom touro. O produto que o mercado quer deve ser produzido por um bom touro.
O vendedor de touros que também atua no segmento comercial entende destas dores e da contribuição de um bom touro, pois usa em seu rebanho e vê no dia a dia as características que contribuem com a produção ou não.

         3. Rebanho que conheça e faça cruzamento

A maioria dos touros Angus ofertados no mercado do PR são destinados para cruzamento com matrizes zebuínas ou cruzadas. Os produtos deste cruzamento abastecem os confinamentos e áreas de pastagens para terminação.

O produtor de touros deve produzir animais que sejam complementares as fêmeas zebuínas e que ofereçam as características buscadas e necessárias para quem faz cruzamento (alto de desempenho em ganho de peso, facilidade de engorde, qualidade de carcaça, etc).

         4. Rebanho que você confie

Um insumo tão importante para o pecuarista como o touro não pode vir de um rebanho que sabemos pouco ou de um vendedor “eventual” de reprodutores. Precisamos confiar na seriedade e credibilidade de nosso fornecedor de touros, pois assim teremos a tranquilidade de saber que tudo foi feito para que animais “problema” fossem retirados do rebanho e que todos os dados e índices tem a maior correção possível.

Fico satisfeito em trabalhar para um rebanho como a ANGUS RIO DA PAZ, pois tenho convicção que as 4 características buscadas num bom fornecedor de touros são a realidade da fazenda:


        1. Na ANGUS RIO DA PAZ o programa de seleção é verdadeiro e cumprido com disciplina. Não existe hesitação para castrar animais negativos e para descartar matrizes menos produtivas;


        2. Na ANGUS RIO DA PAZ os reprodutores (via touro ou sêmen) são usados no rebanho comercial e produzidos bezerros para o confinamento da fazenda. Quando se avaliam os produtos dos reprodutores em condições comerciais podemos afirmar que sabemos o que é bom ou não na pecuária comercial;


        3. Na ANGUS RIO DA PAZ a genética Angus é usada em programas de cruzamento e a fazenda mantém um rebanho Nelore e também de matrizes cruzadas, podendo assim afirmar que o cruzamento adiciona produtividade e resultado econômica para a propriedade.


        4. Na ANGUS RIO DA PAZ a produção de touros é considerado algo muito sério e você pode confiar que o máximo está sendo feito para a satisfação de seus clientes. Gente séria e touros bons andam juntos.

Dedique tempo para estudar as informações contidas no Catálogo Rio da Paz 2017. Conte com o nosso apoio para esclarecer qualquer dúvida. Invista tempo para escolher o touro mais apropriado para o seu rebanho e sistema de produção. Os produtos lhe dirão que foi uma escolha acertada.

* Artigo Publicado Catálogo - 9º Leilão Seleção - ANGUS RIO DA PAZ

Maisartigos

  • Anguistas e branguistas: é passada a hora do marmoreio

    Genética, Informação | 18 de Novembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    A essa altura do campeonato da carne de qualidade no Brasil, zero novidade falar em marmoreio. Mas, para os selecionadores, especialmente das raças Angus e Brangus, é o momento de olhar e agir com mais atenção para animais superiores genetica...
  • Aliança Braford faz R$ 8,3 mil para touros em Lavras do Sul

    Informação | 27 de Outubro de 2019
    Foto: Katega Vaz
    Dando continuidade aos remates oficializados pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), foi realizado no último sábado, dia 19 de outubro, no Sindicato Rural de Lavras do Sul (RS), mais uma edição do Remate Aliança Braford, promovido pelas Estâncias Cochilhas, Pontezuela, Três Marias e São Bento. ...
  • Touros: do Colonial ao Genômico

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Redigo, hoje, influenciado pela atmosfera da temporada de primavera do Rio Grande do Sul, pois já foi dada alargada e ainda estou envolvido com acertos, fretes e documentos de alguns touros adquiridos para clientes no leilão da GAP Genética. R...
  • Genética Nacional: Panorama dos touros Angus e Brangus nas centrais de inseminação

    Genética, Informação, Mercado | 16 de Setembro de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Angus, Nelore e Brangus dominam o mercado de inseminação de bovinos de corte no Brasil. Exagero? Vamos aos números. Conforme a ASBIA, em 2018, as raças de corte venderam, no Brasil, aproximadamente, 9,6 milhões de doses. Da raça Angus, 4,9 milhões de doses foram vendidas; seguida por Nelore, com 3,3 milhões; e Br...
  • Touro Dupla Marca é a geladeira com selo A

    Genética, Informação | 15 de Agosto de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Redigir e discutir critérios de escolha de touros é tema que se repete, mas é matéria sem fim e que se renova a cada temporada de leilões de reprodutores e aquisição de sêmen. A necessidade se apresenta a cada ano, e os fatores que participam da decisão vão se tornando mais complexos com a incorporação cresce...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais