Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 20/10/2017

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

Campo & Lavoura: especial leilões de reprodutores

Informação, Mercado | 09 de Outubro de 2017
Para enfrentar a retração do mercado do boi gordo no país, produtores investem em estratégias de venda nos remates de primavera do Rio Grande do Sul.

Vídeos produzidos a campo, touros usados na troca, frete grátis, lotes a preço fixo e descontos em programas de fidelidade. Para enfrentar a retração do mercado do boi gordo no país, fortemente impactado pelo escândalo da JBS, as cabanhas investem em alternativas de venda nos remates de primavera no Rio Grande do Sul. É a criatividade entrando em pista para garantir a liquidez das ofertas.

Em um dos principais leilões da temporada, da GAP Genética, em Uruguaiana, quase 40% das vendas de mais de mil animais ocorreram por meio de preço fixo. Pela modalidade, cada compra em pista dava direito a escolha de até dois lotes da mesma raça e sexo a valor pré-definido. Esses exemplares não foram levados fisicamente ao leilão, sendo mostrados em vídeos reproduzidos no site da cabanha e na hora do remate.

– A compra do lote a preço fixo é vantajosa para quem precisa fazer volume sem entrar na disputa – explica João Paulo Schneider da Silva (Kaju), diretor comercial da GAP Genética.
Embora adotado há três anos, o modelo de venda se consolidou nesta edição, segundo Kaju:

– O sistema foi aprovado pelos compradores, o que nos permitiu aumentar a oferta de animais em relação ao ano passado.

Outra novidade nesta temporada foi a oferta de 20 lotes surpresa. A cada toque do sino, o aviso de que a próxima compra viria acompanhada de prêmios – que variavam entre pacotes de sêmen, cavalos domados, produtos veterinários, serviço de aviação agrícola e adubação de lavouras.

– Também demos descontos maiores para quem comprou bovinos e cavalos – completa Kaju.

Para valorizar a oferta a ser leiloada no próximo dia 19, em Dom Pedrito, na Campanha, organizadores do 45º Remate Guatambu, Alvorada e Caty produziram vídeo individual de todos os 130 touros das raças hereford e braford que serão oferecidos, além de imagens em lotes das 420 fêmeas. Foram quatro dias inteiros de gravações nas três cabanhas, em Dom Pedrito e Santana do Livramento. As imagens dos bovinos a campo foram propagadas nas redes sociais nesta semana para atrair compradores de todo o país.

– Decidimos oferecer uma ferramenta para facilitar a visualização dos animais antes do remate, especialmente para os compradores à distância – explica Valter Pötter, proprietário da Estância Guatambu, de Dom Pedrito.

Outra inovação são as informações de avaliação genômica de todos os exemplares, com índices de resistência a carrapatos e facilidade de parto.

– Apostamos em animais com índices genéticos superiores para tentar compensar a queda do preço do boi gordo neste ano – completa Pötter.

A Cabanha Capanegra, de Dom Pedrito, também apostou em vídeos produzidos para atrair compradores ao remate do próximo dia 18. As filmagens de lotes de 65 reprodutores e 120 fêmeas prenhes, divididos em raças e categorias, foram compartilhadas em redes sociais, como grupos de WhatsApp.

– Estamos passando por uma readequação de mercado, isso exige buscar novos clientes e potencializar os antigos – diz José Francisco Moura, veterinário da Capanegra.

Entre as estratégias adotadas pelas cabanhas estão ainda fretes grátis dentro Rio Grande do Sul e subsídios para deslocamento para fora do Estado. Neste ano, também cresceram os programas de fidelização de clientes, com descontos maiores do que os oferecidos normalmente.

– De uma forma ou de outra, as facilidades oferecidas buscam reduzir o custo para o comprador em um período mais difícil de vendas, na comparação com anos anteriores – confirma o leiloeiro Marcelo Silva, diretor da Trajano Silva Remates.

Nos primeiros leilões da temporada, em duas semanas, a média dos animais vendidos caiu 10%, segundo o Sindicato dos Leiloeiros Rurais do Rio Grande do Sul (Sindiler). No ano passado, a média dos touros chegou a R$ 9,94 mil por exemplar – com destaque para os reprodutores da raça braford, que alcançaram R$ 10,65 mil.

– Ainda é cedo para estimar um percentual de baixa. O certo é que será uma temporada diferente. Está todo mundo buscando liquidez, com as médias em segundo plano – avalia Jarbas Knorr, presidente da entidade.

Apesar do mercado nebuloso, o leiloeiro Fábio Crespo aposta que a qualidade ofertada em pista e a necessidade do criador de comprar ou vender nesta época do ano garantirão bons resultados na temporada.

– O preço será ditado pelo mercado. O que fará a diferença é a liquidez – resume Crespo.

Fonte: Gaucha ZH - Campo e Lavoura (06/10)

Maisnotícias

  • Bela Vista faz media de R$ 16 mil para touros Braford

    Genética, Leilões | 18 de Outubro de 2017
    Foto: Trajano Silva Remates / Divulgação
    Destaque para valorização na venda de 50% de um touro Braford no total de R$ 45 mil O leilão da Estância Bela Vista, um dos mais conceituados da temporada de primavera da pecuária gaúcha, registrou liquidez nas vendas ocorridas na noite desta terça-feira, dia 17 de outubro, no Sindicato Rural de Santana do Livram...
  • Remate Estância Carcávio e Cabanha Pedra Grande fatura mais de R$ 570 mil

    Genética, Leilões | 17 de Outubro de 2017
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Abrindo a programação de comercialização de bovinos da 79ª Expofeira de Sant’Ana do Livramento, o remate lotou o Centro de Eventos da Rural com compradores de diversas localidades do país interessados em melhorar a genética de seu rebanho e obter no resultado final uma carne de qualidade. O remate também contou...
  • Remates na Expofeira de Alegrete movimentam cerca de R$ 1.3 milhão

    Genética, Informação, Leilões | 16 de Outubro de 2017
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Com a venda de 207 animais, os sete remates de bovinos e ovinos realizados na Expofeira de Alegrete, desde quarta-feira (11) até sábado (14) movimentaram R$ 1.297.730,00. 

    O remate da raça Braford realizado neste sábado foi o recordista em números, com a venda de 52 touros, totalizando R$ 427.920,00, com média de R...
  • José Nei Corrêa Severo: Semente plantada no campo e no coração

    Genética, Informação | 16 de Outubro de 2017
    Foto: Associação Brasileira de Angus
    Série - Vida de Técnico

    Mesmo antes de saber andar, o inspetor técnico José Nei Corrêa Severo, 37 anos, já aprendia a amar a raça Angus. Natural de Dom Pedrito, Zeca, como é chamado entre os amigos, conheceu a lida do campo nos 1.500 hectares da Estância Sotéia, propriedade da família. Sob forte influência do...
  • 17º Remate Só Angus faz media de R$ 9,7 mil para touros

    Informação | 16 de Outubro de 2017
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Destaque para o touro Santa Joana 49 vendido por R$ 22,5 mil

    Com pista limpa, o 17º Remate Só Angus movimentou R$ 925 mil com a comercialização de 110 animais no domingo (15/10), em Pelotas (RS). Durante as duas horas de remate, foram vendidos 25 ventres e 85 touros PO e PC em médias similares às obtidas em 2016. A ...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais