Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 24/10/2020

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

EXPOINTER 2018: é a hora do touro!

Genética, Informação | 27 de Agosto de 2018

EXPOINTER 2018: é a hora do touro!

Foto: Zero Hora

Med. Vet. Fernando Furtado Velloso
Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

A Expointer está no nosso calendário mental como a hora de pensar no assunto “reprodutores”. É a hora do touro. Seja o touro para a monta natural ou via inseminação artificial, técnica que avança muito em função do necessário melhoramento genético e pela função da técnica em aumentar a eficiência reprodutiva dos rebanhos e também a rentabilidade da cria. Com bons touros e, especialmente, com a Inseminação Artificial a Tempo Fixo (IATF) é possível produzir mais e melhores terneiros, nascidos no cedo e com alto potencial para peso ao desmame. Essa informação não é nova. A parte melhor e mais recente desta história: é possível fazer tudo isso com a inseminação com custo por prenhez igual ou menor que na monta natural. Sabe aquela história que com o tempo um produto ou tecnologia vão ficando mais e mais acessíveis pelos ganhos em escala? Pois é, já aconteceu na genética de bovinos. Está à sua disposição. Considere utilizar ou ampliar o uso da IATF em sua propriedade e não se esqueça de usar critérios técnicos para a escolha do sêmen. Fotos bonitas e faixas de grandes campeões não são garantias de mais e melhores terneiros.

Inicia agora a dita temporada de primavera de leilões no RS. São esperados entre 4 a 5 mil touros em pista em diversos remates neste setembro e outubro. Apesar da turbulência econômica na Turquia é esperado que a exportação de bovinos continue, gerando valorização do terneiro e natural investimento dos produtores na cria. Estes terneiros somente serão produzidos de forma eficiente com bons touros. É a hora do touro. E de escolher criteriosamente seus novos touros. Lembre que o touro comprado nesta temporada 2018/2019 irá trabalhar até 2023, deixará 100 filhos até 2024 e suas filhas ficarão reproduzindo até 2032. Esta conta está certa? Seguramente. O touro comprado hoje terá influência no seu negócio em 2032. Debreia, não me faz barbeiragem. A escolha da semente para a lavoura ou pastagem é uma decisão que afeta uma safra. A escolha do touro impacta o seu negócio (bem ou mal) continuamente por muitos anos. É quase um casamento e o divórcio é no litigioso e com perdas patrimoniais importantes.

O touro não é mais só um bovino com 2 ou 3 anos bem pesado e bem bonito. Passou o tempo do “lindo, e gordo”. Avançamos muito na seleção e produção de reprodutores que possuem muita tecnologia embarcada: programas de seleção, avaliação genética, resistência genética ao carrapato, ultrassonografia de carcaça, genômica, etc. Tudo isso demanda muito trabalho, controles, disciplina e seriedade do fornecedor de reprodutores para atender as necessidades do pecuarista, frigorífico e do consumidor. Perceba a importância que o insumo touro/genética tem no seu negócio e na cadeia da carne. Antes de eleger o seu novo touro desta temporada identifique o vendedor que está alinhado com o seu sistema de produção. É a hora do touro. Mas é a hora do touro certo! Não economize tempo e esforço na tarefa de buscar bons touros para o seu rebanho. Me conta se deu certo em 2032. Te vejo na Expointer.

Fonte: Zero Hora

Maisartigos

  • Pecuária do Sul: vamos azebuar tudo !!!

    Genética, Informação | 15 de Outubro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha (É o paradoxo estendido na areia, do Pampa) Nesta busca mensal de temas atuais para este espaço na Revista AG, venho sempre trocando ideias com a editora da Revista AG, Thaise Teixeira. Trocamos mensagens sobre as pautas principais da ediç...
  • Angus Recalada: tecnologia, genética e touros para a pecuária moderna

    Informação | 05 de Outubro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Saudações.

    Nesta mesma época em 2019, trouxemos neste catálogo um pouco dos fundamentos técnicos considerados pelo programa de seleção da Cabanha Recalada para: Crescimento e Carcaça. Reprodução e Maternal, e Adaptação e Função. Os quesitos indicados para realizarmos seleção efetiva nestas áreas seguem v...
  • Montana vende touros por R$ 12,5 mil no leilão De Olho Na Fazenda

    Informação | 05 de Outubro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Semana de leilões teve destaque para novilhas super precoces, com lance médio de R$ 7,3 mil

    O Programa Montana comercializou 45 touros e 17 novilhas durante o programa De Olho na Fazenda, realizado entre 14 e 17 de setembro. O lance médio para os machos chegou a R$ 12.500,00, enquanto para as fêmeas foi de R$ 7.300,00...
  • Lote 6 - Recalada 139 Combate

    Informação | 01 de Outubro de 2020
    Destaque - Angus Recalada 2020
    07/10 - Pelotas - Lance Rural

    Lote 6 - Recalada 139 Combate
     (SAV Resource x SAV Bismark)
    Homozigoto Preto 
    Dupla Marca
    Touro Jovem Promebo 2019 (TJ) 
    Suporte Técnico:
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha Velloso      - 051 9 9835 8100
    José Pedro - 051 9 8244 2631

    Consulte cat...
  • Leilão Charolês 50 anos faz R$ 13,2 mil nos touros

    Informação | 29 de Setembro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Realizado neste sábado (26/09) o Leilão Charolês 50 Anos alcançou muito bons resultados em sua edição virtual. Os touros foram comercializados por R$ 13,2 mil e as terneiras por R$ 5,8 mil. Também foram ofertados 40 embriões com valor médio de R$ 2,3 mil.
    Entre os destaques da venda estão: Jotabe Otto 6071 ...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais