Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 16/06/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

O negócio de sêmen - Por Valdomiro Poliselli Junior

Informação | 24 de Outubro de 2018
O investimento em touros de central para coleta e comercialização de sêmen se tornou um negócio rentável para pecuaristas e, principalmente, investidores urbanos que não precisam de fazenda pra ter seu gado.

O negócio de comercialização de sêmen se tornou uma realidade no Brasil, tanto que as cinco maiores empresas do setor são multinacionais. Presume-se que só em 2018 serão vendidas mais de 4 milhões de doses de sêmen somente da raça angus, a líder de mercado dos últimos anos em função do cruzamento com vacas nelore e a produção de animais para abate com alta qualidade de carne e o melhor preço do mercado.

A aquisição de touros para produção de sêmen se tornou uma prática interessante para investidores de todos os setores, pois os touros são cuidados pelas centrais e o proprietário recebe mensalmente sua participação na comercialização das doses de sêmen. O negócio se torna ainda mais seguro quando o investidor adquire parte do touro ficando um percentual da propriedade do animal com o proprietário criador que dará garantias de produtividade.

Entendendo melhor o negócio, para cada dose de sêmen vendida o proprietário recebe entre 15 a 20% do valor comercializado por dose. Por exemplo: um touro que produz 30 mil doses de sêmen ao ano vendidas a R$ 15 terá um faturamento bruto de R$ 450 mil, ficando para o proprietário R$ 67.500,00.

Os números do mercado de sêmen superam as expectativas e pecuaristas e empresários começam a investir nesse segmento. É o caso do cantor Munhoz, da dupla Munhoz e Mariano e do jogador Luís Fabiano que já adquiriram touros Angus da VPJ Pecuária.

A VPJ Pecuária, empresa que desenvolve um dos mais importantes projetos de seleção e melhoramento genético das raças angus e brangus no Brasil, realizará no próximo dia 27 de outubro seu 21º leilão com oferta de 60 touros, sendo sete selecionados através de um criterioso processo de avaliação por DNA e prova de desempenho para coleta de sêmen. Esses touros já seguem contratados pelas principais centrais de coleta e comercialização de sêmen no Brasil.

Fonte: VPJ Pecuária

Maisartigos

  • O nome do terneiro gaúcho é R$ 6,50

    Informação | 14 de Junho de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    Na data que redijo este texto (23/05), está praticamente encerrada a temporada de outono das feiras de terneiros no Rio Grande do Sul. Restam ainda alguns leilões neste final de maio e início de junho, mas estamos quase no fim. Quando os a...
  • Brangus: ABB e Ufrgs assinam convênio de cooperação técnica

    Informação | 10 de Junho de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Acordo prevê atividades de pesquisa na área de tecnologia de imagens e transferência de material genético e equipamentos Um convênio de Cooperação Técnica entre a Associação Brasileira de Brangus (ABB) e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul foi assinado nesta segunda-feira, 10 de junho, em Porto Alegre ...
  • Santa Maria sediou a III Exposição Nacional de Rústicos Brangus

    Exposição, Informação | 07 de Junho de 2019
    Foto: Bezier Filmes
    A III Exposição Nacional de Rústicos Brangus, promovida pelo Núcleo Brangus Sul, ocorreu nos dias 15 a 17 de maio no Parque de Exposições da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e integrou a programação da 28ª edição da Encorte. O julgamento, realizado no dia 17, contou com a participação de dez criat...
  • MAPA: Avançam negociações para exportação de gado vivo para Laos

    Informação | 03 de Junho de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Secretário adjunto de Comércio e Relações Internacionais do Mapa esteve no país na última semana em missão oficial
    O governo de Laos vai enviar cartas oficiais aprovando integralmente os requisitos propostos pelo Brasil para a exportação de animais vivos (bovinos para reprodução, engorda e abate) e carne de ave...
  • EUA: Uso crescente de sêmen de corte em vacas de leite (Por Dr. Bob Hough)

    Informação | 29 de Maio de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Manter-se rentável ano após ano nos negócios agropecuários não é tarefa fácil. Talvez não haja um caso maior disso do que com os produtores de leite, lutando com baixos preços do produto por anos. No entanto, os produtores de leite estão percebendo que  a cerca de 5 milhões de novilhas em idade reprodutiva e...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais