Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 19/01/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

Conheça startups gaúchas do agronegócio que faturam mais de R$ 1 milhão

Entrevista, Mercado | 06 de Janeiro de 2019

Startup CowMed, de Santa Maria, monitora o comportamento do gado leiteiro pela tela do celular

Foto: Gaucha ZH

Chamadas AgTechs rompem barreira inicial e ganham espaço no mercado ao oferecer tecnologias inovadoras para tornar a atividade agrícola mais eficiente e rentável

Tecnologias que resolvem problemas específicos dos produtores gaúchos são a receita que tem feito as startups do agronegócio — conhecidas como AgTechs — triunfarem em um dos setores mais competitivos e que impulsiona cerca de 35% da economia no Estado. Das 182 empresas brasileiras de inovação tecnológica que atuam diretamente no campo, 9% nasceram no Rio Grande do Sul, conforme levantamento da Associação Brasileira de Startups (Abstartups). O estudo aponta, ainda, que até 23% delas já faturam mais de R$ 1 milhão ao ano. Entre as milionárias, estão as gaúchas CowMed, de Santa Maria, Checkplant, de Pelotas, e Silo Verde, de São Leopoldo — voltadas para a pecuária leiteira, lavoura e armazenagem de grãos.

— Nossa maior fonte de ciência são as universidades e, por isso, oportunizam o nascimento de empresas nos seus polos tecnológicos.

Diretor da Associação Gaúcha de Startups (AGS), Thomás Capiotti diz que as empresas do tipo têm enorme importância no agro, “por esse sempre ter sido um setor carente de inovação”. A busca por aperfeiçoamento de processos e produtos faz com que vivam em ambiente de incerteza:

— Nunca sabem se vão dar certo ou não, se os clientes irão continuar se interessando. Há uma constante validação dentro do modelo de negócio.

No caminho das startups estão as aceleradoras, empresas que fornecem capital e consultoria para os empreendedores emergentes em troca de retorno financeiro.

— Investimos em novos negócios em troca de participação societária. Nosso foco é fazer elas crescerem e depois compartilhar os ganhos — explica Sandro Cortezia, líder do grupo de aceleradoras da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec).

A Associação Gaúcha de Startups mapeou cerca de 300 startups em 50 cidades. O faturamento anual nos dois primeiros anos girou em torno de R$ 50 milhões.

Veja a trajetória de AgTechs gaúchas milionárias

Plano de saúde a vacas leiteiras
A CowMed, startup que monitora o comportamento do gado leiteiro, despontou para o mercado em 2015. A empresa implementou programa Intérprete Virtual de Vacas, que informa o produtor por meio do celular se o animal está doente, muito tempo parado ou agitado demais.

Do papel ao checklist virtual das plantas
A startup Checkplant desenvolveu softwares para fornecer índices de produtividade do trabalhador e informações rápidas para tomadas de decisões no combate a pragas e doenças na soja e no algodão. A empresa com sede em Pelotas tem três sócios, 21 colaboradores e 250 clientes, espalhados por oito Estados brasileiros

Silos para grãos produzidos com garrafas pet
Com silos fabricados a partir de garrafa pet, a startup Silo Verde oferece uma solução para armazenagem de grãos em pequenas propriedades rurais. A empresa também fornece software que analisa condições do armazenamento – como umidade, temperatura e consumo.

Fonte: Gaucha ZH

Maisnotícias

  • Select Sires do Brasil supera marca de 1 milhão de doses comercializadas

    Genética, Informação, Mercado | 17 de Janeiro de 2019
    Foto: Select Sires
    Números são equivalentes a genética de todas as raças disponíveis, sendo aproximadamente 65% de gado leiteiro Mesmo com os problemas enfrentados pelo setor pecuário no ano passado, o mercado de genética bovina conseguiu fechar 2018 com um crescimento expressivo no volume de doses de sêmen comercializadas. De aco...
  • Carlos Vivacqua é o novo Gerente Executivo da ASBIA

    Informação, Mercado | 17 de Janeiro de 2019
    Foto: ASBIA
    A ASBIA terá novo Gerente Executivo. Carlos Vivacqua, ex-presidente da ASBIA, assume o cargo a partir de 1º de fevereiro de 2019 e ficará responsável pela administração das atividades da ASBIA, por gerir os projetos da associação, representar a ASBIA perante outras entidades e órgãos governamentais e, também, ...
  • Cláudio Caldas recebe a Medalha da 54ª Legislatura da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul

    Informação | 17 de Janeiro de 2019
    Foto: Associação Brasileira de Brangus
    Aconteceu nesta quarta-feira (16), na Câmara Municipal de Vereadores de Sant’Ana do Livramento, a cerimônia de entrega da Medalha 54ª Legislatura da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul ao Cláudio Antônio Bitencourt Caldas. A homenagem proposta pelo deputado estadual Bombeiro Bianchini foi uma forma de reco...
  • Rebanho da raça Brangus no RS chega a 24 mil animais

    Genética, Informação | 17 de Janeiro de 2019
    Foto: Alexandre Teixeira
    Criadores de bovinos de corte que estão apostando no Brangus colhem os resultados positivos desta decisão. No Estado do Rio Grande do Sul, conforme a superintendência de registro genealógico da Associação Brasileira de Brangus (ABB) o plantel é formado por cerca de 24.270 mil animais registrados. A perspectiva é ...
  • IATF: Criadores priorizam fertilidade em touros para Estação 2018/2019

    Genética, Informação | 17 de Janeiro de 2019
    Foto: Assessoria de Imprensa ABS
    Tecnologia com comprovação científica ajuda produtores na definição da genética Nos últimos dez anos, o crescimento das vendas de IATF (Inseminação Artificial em Tempo Fixo) dobrou, atingindo 14 milhões de doses. Segundo o balanço divulgado em setembro pela Associação Brasileira de Inseminação Artificial ...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais