Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 23/07/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

MAPA: Manual com orientações para vacinação contra aftosa é publicado

Informação | 08 de Fevereiro de 2019

MAPA: Manual com orientações para vacinação contra aftosa é publicado

Foto: Imagens da Internet

Manual com orientações para vacinação contra aftosa é publicado

Texto inclui orientações desde a produção até a aplicação

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) publicou nesta quinta-feira (7) o manual “Orientações para fiscalização do comércio de vacinas contra a febre aftosa e para controle e avaliação das etapas de vacinação”. O objetivo é criar padrões para manter a qualidade das vacinas produzidas no país, aumentando a eficiência na imunização dos rebanhos.

O manual é dirigido aos serviços veterinários, revendedores e criadores, que devem seguir as normas previstas. A versão, digital, de 41 páginas, é resultado de atualização da primeira edição que foi publicada em 2005. Acesse o manual clicando aqui. 

Segundo o auditor fiscal agropecuário da Divisão de Febre Aftosa e Outras Doenças Vesiculares (Difa), Luiz Cláudio Coelho, “a fiscalização do comércio de vacinas contra a febre aftosa é de responsabilidade do Serviço Veterinário Oficial (SVO), para cumprimento do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA)”.

Ele explica que todas as revendas de produtos de uso veterinário só podem funcionar se estiverem registradas e licenciadas pelo Ministério. Para obtenção da licença do estabelecimento junto ao Ministério, o interessado deve acessar o site www.agricultura.gov.br, no link SISTEMAS, localizar Sistema Integrado de Produtos e Estabelecimentos Agropecuários (SIPEAGRO) e inserir as informações solicitadas.

Controle

No caso das indústrias produtoras de vacinas, durante todo o processo de fabricação, são realizados testes de comprovação da inativação do vírus e para controle de esterilidade da vacina, além da avaliação da integridade da emulsão (mistura). Todos esses testes são repetidos pelo Ministério em seu laboratório, (Lanagro) localizado no Rio Grande do Sul. Atualmente, só pode ser utilizada a vacina inativada, bivalente, formulada com as cepas virais A24 Cruzeiro e O1 Campos.

Os laboratórios que produzem vacinas são submetidos anualmente a inspeções e avaliações do MAPA para verificação do cumprimento das condições de biossegurança e de boas práticas de fabricação. A partida (lote) de vacina, passando por todos os testes, é aprovada e liberada para comercialização. Do contrário, toda a partida é destruída.

A selagem (colocação do selo holográfico, que garante que o produto foi testado oficialmente) é feita sob a supervisão do Ministério, que também confere e registra o número de frascos liberados à comercialização. Após o controle e a anotação das quantidades, as partidas são liberadas para venda.
A Central de Selagem disponibiliza para o Mapa e aos Serviços Veterinários Estaduais (SVE) as informações referentes ao total e ao destino das vacinas comercializadas.

A vacina contra a febre aftosa deve ser conservada sob refrigeração (temperatura entre 2 e 8ºC). Apresenta prazo de validade de 24 meses sendo comercializada em embalagens de 15 e 50 doses.

O parque industrial de produção de vacinas contra a febre aftosa tem capacidade para atender à demanda das etapas de vacinação no país, exportar vacinas para outros países da América do Sul e manter um estoque regulador de abastecimento. 

Fonte: MAPA

Maisnotícias

  • Zebu Fértil: GENEX recebe importante reforço para atender o MS

    Informação | 22 de Julho de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Junto com a MSGen, a empresa passa a ser representada, em Campo Grande, pela Zebu Fértil A GENEX, ciente da necessidade de fortalecer continuamente sua equipe de campo, passa a contar com os serviços da Zebu Fértil, empresa que atua na área de reprodução e genética bovina, localizada em Campo Grande (MS) e que te...
  • Oferta de touros avaliados pelo PMGZ em agosto

    Informação | 21 de Julho de 2019
    Foto: Grupo Publique
    Touros com exame andrológico, avaliação pelo Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ) e ultrassonografia de carcaça. Além de novilhas com foco em fertilidade, caracterização racial e funcionalidade. A oferta está marcada para o dia 31 de agosto, na Fazenda 2 Irmãos, em Tarabai (SP), e traz a marca...
  • ABHB e Embrapa divulgam primeira pesagem oficial da PAC 2019/2020

    Informação | 19 de Julho de 2019
    Foto: Divulgação/Assessoria
    A organização da Prova de Avaliação a Campo (PAC), realizada pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), em parceria com a Embrapa Pecuária Sul, torna público o resultado da primeira pesagem oficial da edição 2019/2020, realizada na última quarta-feira, dia 10 de julho. Conforme o Coordenador da ...
  • Uruguai: INAC assegura que o preço da carne bovina seguirá subindo

    Informação | 19 de Julho de 2019
    Foto: Tardaguila Agromercados
    El presidente del Instituto Nacional de Carnes (INAC) Federico Stanham, brindó este miércoles una conferencia junto al ministro de Ganadería, Agricultura y Pesca (MGAP) Enzo Benech, para analizar el precio de la carne en el mercado interno y sus posibles proyecciones. Allí Stanham aseguró que el precio de la carne ...
  • Top 100: Conexão Delta G mantém protagonismo no mercado nacional de touros

    Genética, Informação, Mercado | 18 de Julho de 2019
    Foto: Conexão Delta G
    Sete associados estão entre os 30 maiores vendedores do Brasil e consolidam raças Hereford e Braford Associados da Conexão Delta G ocupam novamente o topo da lista dos 50 maiores vendedores de taurinos do Brasil, realizada anualmente pela Assessoria Agropecuária FF Velloso & Dimas Rocha, Revista AG e Brasil com Z. S...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais