Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 20/05/2019

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

Régua de escore corporal desenvolvida pela Embrapa aumenta em quase 20% resultado da IATF

Genética, Informação | 12 de Março de 2019

Régua de escore corporal desenvolvida pela Embrapa aumenta em quase 20% resultado da IATF

Foto: Divulgação/Assessoria

Um estudo conduzido na Embrapa Rondônia feito com 1.200 vacas de corte da raça Nelore constatou que o uso de uma ferramenta que torna mais objetivo o processo de seleção de fêmeas para a IATF aumentou em quase 20% a taxa de prenhez, saltando de 51% (média nacional) para 61%.

A ferramenta chama Vetscore, um conjunto de duas réguas articuladas entre si que, ao formar um ângulo, converte a condição corporal da matriz em cores que mostram se ela está em condição adequada para a inseminação ou monta natural. “O Vetscore é um dispositivo bem simples de se usar e avalia a condição corporal do animal, nesse caso específico das vacas. A condição corporal a gente pode pensar que é a condição de gordura que o animal tem, ou seja, naqueles locais onde o animal consegue depositar gordura, o quanto já está preenchido”, explicou o mestre em medicina veterinária, doutor em zootecnia e pós-doutor Luiz Pfeifer, pesquisador da Embrapa Rondônia responsável pela inovação.

Seu objetivo foi sanar umas das principais limitações da IATF, que é a fazer a detecção do cio de forma mais precisa. Com o serviço dinâmico no curral, que requer agilidade, o critério visual para avaliar a condição corporal das vacas impede que de fato as melhores matrizes sejam escolhidas para participar do manejo reprodutivo. Com o Vetscore, diminuindo o perfil subjetivo desta avaliação, é possível endereçar à IATF ou à monta natural as fêmeas que vão responder melhor à reprodução.

“O Vetscore dá uma escala direta: se o animal está adequado para ir para o programa de IATF, por exemplo, participar do programa reprodutivo, ou se está inadequado. Então ele consegue fazer essa classificação do animal de forma muito rápida e pode ser feita no próprio brete”. complementou.

Além de aumentar a taxa de prenhez na IATF, o Vetscore ajuda a identificar também quais fêmeas terão mais chances de conceber o “bezerro do cedo”, que pode ser desmamado antes e mais pesado, trazendo mais rentabilidade ao criador.

O pesquisador falou ainda sobre como os pecuaristas interessados podem comprar o Vetscore para introduzi-lo em seu manejo reprodutivo. Pfeifer indicou que a ferramenta está sendo produzida pela empresa Prático de Garça e disponível para todos os estados do Brasil.

Confira a entrevista completa clicando aqui.

Fonte: Canal Rural

Maisnotícias

  • Lajeado Vermelho realizará liquidação de plantel Braford em Uruguaiana, RS

    Genética, Informação, Mercado | 16 de Maio de 2019
    Foto: Trajano Silva Remates / Divulgação
    Leilão ocorre no dia 21 de maio em Uruguaiana com destaque para 500 fêmeas No próximo dia 21 de maio, a partir das 14h, no Parque Agrícola e Pastoril de Uruguaiana (RS), ocorrerá um dos leilões mais esperados da raça Braford no ano. O remate de Liquidação Total da Lajeado Vermelho, a cargo da Trajano Silva Rema...
  • Paulo de Castro Marques: Eu quero vacinar meus animais contra aftosa

    Carne, Informação, Mercado | 16 de Maio de 2019
    Foto: Imagens da Internet
    O programa de vacinação obrigatória do rebanho bovino brasileiro contra febre aftosa é uma das melhores iniciativas da pecuária nacional para impedir o aparecimento de uma doença que, comprovadamente, causa sérios prejuízos econômicos para os criadores e irreparáveis danos à imagem do Brasil como fornecedor de...
  • Cabanha Santo Izidro faz R$ 8,09 mil para machos e R$ 3,97 mil para fêmeas

    Genética, Informação, Leilões | 15 de Maio de 2019
    Foto: José Furtado
    Tradicional remate da cabanha de Dilermando de Aguiar fechou com média de R$ 8,09 mil nos machos e R$ 3,97 mil nas fêmeas Realizado na última sexta-feira, o tradicional leilão da Cabanha Santo Izidro, de Dilermando de Aguiar, movimentou o recinto do Centro de Eventos da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Em...
  • Uruguai a um passo de importar gado em pé do Brasil

    Informação, Mercado | 15 de Maio de 2019
    Foto: El Observador
    Los frigorícos plantearon la necesidad al Ministerio de Ganadería por los altos precios del gordo; los animales solo podrán ser comercializados en el mercado local Los frigorícos uruguayos iniciaron gestiones hace ya algunas semanas para lograr la certicación sanitaria de parte del Ministerio de Ganadería, Agricul...
  • Fuego: touro Brangus editado geneticamente para pesquisa

    Informação | 15 de Maio de 2019
    Foto: Daniel Sempé
    Un grupo de científicos argentinos logró editar genéticamente al toro "Fuego" de la raza vacuna Brangus para avanzar a animales con carne más magra y productivos. La investigación la hicieron científicos de Kheiron Biotech en Pilar, Buenos Aires, con la técnica de tijeras de edición génica CRISPR-Cas9. La edici...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais