Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 25/09/2020

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

Com alta da carne, IPCA acelera em dezembro e fecha 2019 em 4,31%

Informação | 12 de Janeiro de 2020

Inflação oficial acelerou em dezembro

Foto: Divulgação/Assessoria

Resultado é o maior desde 2016, quando ficou em 6,29%; inflação de dezembro subiu 1,15%, o maior índice para o mês desde 2002

A disparada no preço das carnes no fim de 2019 impulsionou a inflação oficial no País medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O indicador fechou o ano em 4,31%, um pouco acima da meta de 4,25% perseguida pelo Banco Central. O IPCA  de dezembro subiu 1,15%, maior alta para o mês desde 2002.

Os preços subiram por conta do aumento das exportações para a China, que enfrenta uma crise de abastecimento; pela alta do dólar; e também por conta dos preços da arroba do boi. O avanço desses preços ampliou a demanda por outras proteínas, como frango e peixes. Por isso, esses alimentos
ficaram mais caros no mês. As carnes subiram 18,06% no mês e 32,4% no ano. Em dezembro, também pesaram no orçamento familiar os aumentos na gasolina, nas passagens aéreas e nos jogos de loteria. A crise da peste suína africana, que levou a China a abater quase um terço de seu rebanho de porcos, é a principal razão para a forte alta no preço da carne no Brasil, que ampliou suas exportações para o país asiático.

Riscos 
Embora tenha ficado consideravelmente além do que especialistas esperavam até poucos meses atrás, o resultado não oferece risco para a política monetária, avaliou o economista-chefe da corretora Ativa Investimentos, Carlos Thadeu de Freitas Filho. Segundo o economista, o choque nos preços das carnes não gera preocupação para o comportamento da inflação em 2020. A pressão na cadeia de proteínas parece ter ficado concentrada nos últimos meses de 2019, opinou. E os bens de consumo duráveis e semiduráveis ficaram mais baratos, lembrou. 

O economista da Ativa Investimentos prevê que o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central mantenha a taxa básica de juros, a Selic, em 4,5% ao ano na reunião de fevereiro e observe o desempenho dos próximos indicadores econômicos antes de decidir por um eventual novo corte no
juro. 

Apesar da surpresa na reta final de 2019, o cenário inflacionário continua benigno, sem indícios de pressões da demanda, corrobora Pedro Kislanov, gerente do Sistema Nacional de Índices de Preços do IBGE. Para ele, a retomada da atividade econômica ainda é lenta. Ficou mais concentrada nos últimos meses de 2019. Essa melhora na economia e no mercado de trabalho pode vir a afetar o IPCA de 2020, mas, por ora, a inflação é de restrição de oferta, concentrada em carnes, não é de demanda, garantiu. 

“Nos preços dos serviços, que têm uma influência de demanda forte (a aceleração em dezembro), foi um componente sazonal. Nesse mês, a pressão foi de alimentação fora de casa, mas tem muito a ver com as
carnes, então foi inflação de custo, não de demanda”, afirmou Kislanov.


Figuras: Em alta - Inflação oficial acelerou em dezembro (O Estado de S.Paulo) 
Fonte: O Estado de S.Paulo, por Daniela Amorim (10/01/2020) 

Maisnotícias

  • Guarda-Mór faz R$ 12,31/kg para Terneiros Angus Certificados em Lages

    Informação | 24 de Setembro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    A venda total da oferta de 498 exemplares, com faturamento de R$ 1.310.130,00 mil no 1° Leilão Virtual de Produção da Fazenda Guarda-mór, de Lages (SC), confirmou a valorização da carne Angus no mercado. Os 244 machos, todos certificados Angus, alcançaram o faturamento de R$ 686.970,00 com a média de R$ 12,31/Kg...
  • 2° Remate de Terneiros Angus Certificados colocará em pista mil animais

    Informação, Mercado | 23 de Setembro de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    O 2° Remate de Terneiros Angus Certificados, realizado pela Estância Santa Liliana, de Lavras do Sul (RS), colocará em pista no dia 26 de setembro, mil animais de diferentes raças. Serão 700 fêmeas e 300 machos com até 12 meses, sendo 600 Angus certificados entre fêmeas e machos. O leilão, que será presencial, ...
  • Alta bate recorde e comercializa 1 milhão de doses de sêmen em agosto

    Informação, Mercado | 23 de Setembro de 2020
    Foto: Alta Genetics
    A Alta, empresa de melhoramento genético bovino, divulgou seu mais novo recorde: a comercialização de 1 milhão de doses de sêmen no mês de agosto. Para o Diretor da Alta no Brasil, Heverardo de Carvalho, o resultado é um grande reconhecimento à qualidade dos produtos e serviços da Central. “Esta conquista cons...
  • Angus e Embrapa anunciam campeões de Eficiência Alimentar

    Genética, Informação | 23 de Setembro de 2020
    Foto: Felipe Rosa/ Embrapa
    A Associação Brasileira de Angus e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) anunciam, no dia 29 de setembro, os touros campeões da Prova de Eficiência Alimentar 2020 (PEA). Em função da pandemia, os resultados serão divulgados em Dia de Campo Virtual transmitido de forma simultânea pelos canais de...
  • ABHB e Embrapa realizam terceira pesagem da PAC 2020/2021

    Informação | 23 de Setembro de 2020
    Foto: Associação Brasileira de Hereford e Braford
    Animais estão apresentando excelente desenvolvimento e ganhos de peso satisfatórios Aconteceu na última semana, em Bagé (RS), a terceira pesagem da Prova de Avaliação a Campo (PAC) 2020/2021. Realizada pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB) em parceria com a Embrapa Pecuária Sul a prova segue t...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais