Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 07/08/2020

Redes sociais

Agendade eventos

Últimosartigos

EAD pode causar prejuízos na formação do médico veterinário

Informação | 09 de Fevereiro de 2020
Por João Carlos Gonzales, presidente da Academia Rio-Grandense de Medicina Veterinária

A recente autorização governamental para que instituições com curso de medicina veterinária utilizem 40% do tempo na forma de ensino a distância (EAD), isto é, por correspondência e/ou internet, despertou a atenção para possíveis prejuízos na formação acadêmica. Entre os diversos tópicos a serem analisados, elegemos o da formação do senso crítico e do espírito científico durante o tempo universitário.

O senso crítico pode ser concebido como a capacidade de análise, tão indispensável no encontro das verdades. A iniciação à crítica se inicia ou não no seio familiar, mas encontra seu ápice de desenvolvimento nas salas de aula, nos corredores das faculdades, na convivência com professores e colegas do mesmo ramo profissional. Assim, reduzir a presença física proativa do estudante de medicina veterinária no ambiente acadêmico invariavelmente irá produzir uma lacuna na sua competência.

O espírito científico, irmão gêmeo do senso crítico, é a capacidade também inata e desenvolvida no ambiente universitário de distinguir o conhecimento científico do conhecimento vulgar, tão abundante no meio comum. Se adquire e se amplia no contato com os professores e, em especial, no exercício da pesquisa realizada fora e dentro da instituição. Como temperos indispensáveis na formação do espírito científico agregam-se conhecimentos e práticas de metodologia da pesquisa e da bioestatística experimental.

O espírito científico é o usuário do método, que, por sua vez, não é de uso exclusivo do pesquisador. O método científico é o caminho que a mente humana percorre para encontrar a verdade, constando das fases de observação, hipóteses, experimentação e generalização, como fundamentou Descartes.

Essas etapas só podem ser percorridas, inicialmente, pela mão experiente do professor. São praticamente impossíveis de entendimento a distância, quando enviadas pelos correios ou internet. Além do mais, precisam de numerosas repetições para serem agregadas à praxe profissional.

Tais conhecimentos são especialmente agregados no atendimento de rotina hospitalar, em seminários, palestras e atividades de estágio, plantões, de bolsistas frequentadores em tempo integral dos hospitais e laboratórios universitários.

O EAD possivelmente formará um profissional com custos menores, mas sem conhecimentos científicos, com dificuldades ou mesmo impossibilidades de ter um bom desempenho profissional. Certamente uma dívida cumulativa impagável será constituída na sociedade.

* Publicado no Jornal Zero Hora em 04/02/2020 (site GauchaZH) 

Maisartigos

  • USP: Evolução da IA em bovinos de corte e leite no Brasil (Edição 4 - 15/07/20)

    Informação | 16 de Julho de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    (O emprego da IA cresceu 270% de 2002 a 2019; Os produtores utilizam a IA com maior intensidade em rebanhos de corte)

    Boletim Eletrônico do Departamento de Reprodução Animal/FMVZ/USP - Edição 4, de 15 de julho de 2020  Editorial 

    Segundo estudos realizados pelo Departamento de Reprodução Animal da Faculdade de Medi...
  • Comprei um touro no Mercado Livre

    Informação, Mercado | 15 de Julho de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Por Fernando Furtado Velloso
    Assessoria Agropecuária FFVelloso & Dimas Rocha

    "Há males que vêm para piorar tudo”, dizia um amigo pessimista. Acho graça no ditado adaptado, mas não o acompanho no raciocínio. A crise que estamos vivendo da Covid-19 está trazendo grandes avanços digitais em muitas áreas. Fala-se is...
  • Inovação argentina melhora a precisão das DEPs Genômicas

    Informação | 10 de Julho de 2020
    Foto: Valor Carne (www.valocarne.com.ar)
    Una metodología desarrollada por la FAUBA facilita la predicción de caracteres de interés económico, en especial de aquéllos difíciles y costosos de medir, utilizando relaciones de parentesco más refinadas. El cálculo no solo involucra a los padres, como los métodos de otros países, sino a los abuelos. El nuevo...
  • Seleção genômica em Hereford e Braford

    Genética, Informação | 01 de Julho de 2020
    Foto: Associação Brasileira de Hereford e Braford
    Por Marcos Jun-Iti Yokoo Até pouco tempo, nos programas de avaliação genética e seleção de bovinos de corte, a seleção assistida por marcadores moleculares utilizando-se de poucos marcadores do tipo microssatélites, salvo algumas exceções, não foi muito eficiente, uma vez que, geralmente, as características...
  • Comercialização Virtual de Terneiros no Período da Pandemia do Covid-19: Análise Preliminar

    Informação | 29 de Junho de 2020
    Foto: Divulgação/Assessoria
    O NESPro conduziu um projeto, por quatro meses, com a finalidade de avaliar o comportamento dos agentes do mercado de terneiros de corte no RS. Esse projeto foi desenvolvido em resposta a uma conjuntura atípica, a pandemia pelo Covid-19, a qual estabeleceu um distanciamento social, que proibiu a concentração de pessoa...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais