Últimasnotícias

Exportação de carne bovina sobe 8% e é recorde em 2020

Carne, Mercado | 11 de Janeiro de 2021

As exportações brasileiras de carne bovina (in natura e processada) subiram 8% em 2020, para 2,02 milhões de toneladas, segundo informações divulgadas pela Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo) na sexta-feira (08).

A receita com as exportações subiu 11% para US$ 8,4 bilhões.

A Abrafrigo disse que espera um aumento de 5% no volume de exportações brasileiras de carne bovina em 2021.

“Para 2021, a Abrafrigo espera a manutenção do ritmo comprador da China e alguma elevação nas importações por parte dos países da União Europeia, países árabes e de novos mercados, com a melhoria da situação econômica mundial graças ao início da vacinação contra a covid-19 e a volta do consumo na alimentação fora de casa”, disse a entidade em nota.

A China foi o maior importador do produto, tendo comprado 1,18 milhão de toneladas de carne bovina brasileira no ano, por meio do continente e pela cidade de Hong Kong, ou 58,6% do exportado pelo Brasil.

O segundo maior comprador foi o Egito, com 127,9 mil toneladas (-23%), seguido de Chile (90,4 mil t, -18,2%) e Estados Unidos (59,5 mil t, +53,8%).

O aumento das compras dos EUA ocorreu após o país norte-americano abrir seu mercado para a carne bovina brasileira in natura em fevereiro de 2020.

Considerando apenas o mês de dezembro, as exportações brasileiras totais de carne bovina caíram 3% na comparação anual para 168,1 mil toneladas, com receita de US$ 741 milhões, queda de 12%.

Fonte: CarneTec

Exportação de carne bovina sobe 8% e é recorde em 2020

Foto: CarneTec