Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 25/01/2022

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

RS elabora regulamento para a Carne Premium Gaúcha

Carne, Informação | 09 de Janeiro de 2022

RS elabora regulamento para a Carne Premium Gaúcha

Foto: Secretária de Inovação, Ciência e Tecnologia

Em iniciativa inédita no setor, Rio Grande do Sul elabora regulamento para o reconhecimento da Carne Premium Gaúcha

Foi publicado nesta terça-feira, 4, o Regulamento do Reconhecimento da Carne Premium Gaúcha, articulado pelo programa Produtos Premium, que é coordenado pela Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia (SICT/RS) em conjunto com secretarias da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), de Meio Ambiente e Infraestrutura (SEMAI), de Desenvolvimento Econômico (SEDEC) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (FAPERGS). A iniciativa visa a distinguir e valorizar a qualidade de carnes bovinas produzidas no Rio Grande do Sul, diferenciando os produtos e dando destaque nacional e internacional ao setor gaúcho da carne bovina.

Com este regulamento, o Estado chancela a qualidade dos produtos produzidos, bem como a agregação de valor no produto através do atendimento dos critérios, construídos tendo por base os princípios norteadores usados na construção do Reconhecimento. Desta forma, o consumidor é informado visualmente que este produto busca os diferenciais nos quais o regulamento se baseou.

Com tamanha abrangência e a chancela do Estado, esta é uma iniciativa inédita no setor.

Sobre o regulamento

Podem solicitar, através do e-mail carne-premium@sict.rs.gov.br, adesão ao reconhecimento, produtores associados a uma cooperativa ou associação de produtores, cooperativas ou associações de produtores, indústrias e varejos de carne, que produzam produtos de carne bovina in natura, por meio do preenchimento e envio dos documentos que constam nos anexos ao regulamento. O reconhecimento é dado por produto. A solicitação de produtores deve ocorrer através de uma cooperativa ou associação. O reconhecimento é exclusivo para produtos produzidos no Estado, em todas as suas etapas, exceto na comercialização.

Entre os pontos avaliados, estão critérios ambientais, de produção, controle de rastreabilidade e origem, raça, bem-estar animal e controle sanitário.

A marca distintiva do reconhecimento foi confeccionada pela Assessoria de Comunicação da SICT e o Manual de uso está em confecção por parte da secretaria, e será disponibilizado em breve no site da SICT.

Este reconhecimento foi construído tendo por base os seguintes pilares:

- Bem-estar animal
- Sustentabilidade ambiental
- Segurança do Alimento
- Rastreabilidade e Transparência
- Respeito da Cultura Gaúcha
- Predominância das raças taurinas de corte
- Eficiência do Sistema Produtivo por meio da tecnologia.

A trajetória do reconhecimento ao regulamento da carne premium gaúcha

Os primeiros passos para a construção do Reconhecimento da Carne Premium Gaúcha iniciaram-se ainda em 2019, com a aproximação entre a equipe do Programa Produtos Premium/RS e as associações de produtores APROPAMPA (Associação de Produtores de Carne do Pampa Gaúcho da Campanha Meridional), APROCCIMA (Associação de Produtores dos Campos de Cima da Serra) e com a Embrapa Pecuária Sul. À época, já era visível a necessidade de um trabalho voltado ao setor, para incentivar e reconhecer a agregação de valor na carne gaúcha.

Em 2020, ocorreu a instituição do Programa Produtos Premium, com o objetivo de “estimular, apoiar e valorizar a estratégia de agregação de valor aos produtos como uma alternativa de diferenciação, incentivando a incorporação de inovação e conhecimento nas cadeias produtivas tradicionais do Estado”, como afirma o decreto que institui o programa. Junto a isso, ficou definido um Comitê Gestor estruturante do programa, coordenado pela secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia (SICT), composto pelas secretarias da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), de Meio Ambiente e Infraestrutura (SEMAI), de Desenvolvimento Econômico (SEDEC) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (FAPERGS).

Dentre as atribuições deste Comitê, está a de definir Grupos de Trabalho para a construção de reconhecimentos setoriais. Assim, no final de 2020, o setor da carne foi definido como o primeiro a ser trabalhado, tendo como um dos motivos o aspecto ambiental, dada a prática pecuária sustentável nos biomas gaúchos.

A composição atual do Grupo de Trabalho do Reconhecimento da Carne Premium foi publicada na Portaria SICT N° 28/2021, de 16 de agosto de 2021. Ele envolve representantes das secretarias que compõem o Comitê Gestor, a Embrapa, universidades como a UFSM e representantes dos produtores, como a APROCCIMA, a APROPAMPA e Estâncias Gaúchas.

No início de 2021, a Embrapa Pecuária Sul construiu uma Nota Técnica, elaborada por vários profissionais da unidade, especialistas em diversos temas do setor. Este documento foi debatido no GT, passando por modificações, até gerar o Regulamento do Reconhecimento da Carne Premium Gaúcha, aprovado pelo Comitê Gestor em 24 de novembro de 2021, e publicado em 04 de janeiro de 2022.

Confira aqui o regulamento:

 Regulamento Carne Premium Gaúcha (.pdf 169,09 KBytes)

Confira aqui os anexos para solicitar o reconhecimento:

 Anexo I (.docx 61,12 KBytes)
 Anexo II (.docx 58,04 KBytes)
 Anexo III (.docx 44,65 KBytes)

Fonte: Secretária de Inovação, Ciência e Tecnologia

Maisnotícias

  • Gente Brangus: Evanil Pires, da ST Repro

    Genética, Informação | 21 de Janeiro de 2022
    Está disponível o quarto episódio do “Gente Brangus”!

    O convidado deste episódio é o Evanil Pires, da ST Repro, que nos conta como iniciou o seu trabalho com a raça Brangus. Confira o depoimento dele.

    GENTE BRANGUS

    Trata-se de um espaço criado para que personalidades da raça, como criadores, técnicos, peões, r...
  • Fala Angus #78 - Edio Sander, Presidente CooperAliança

    Carne, Informação, Mercado | 21 de Janeiro de 2022
    Foto: Radio Sul.net
    Neste #FALAANGUS, o Sr. Edio Sander, presidente da CooperAliança, irá contar a história da cooperativa, que se destaca como exemplo de cooperativismo no país, seu número de associados, áreas de atuação, e como veio a ideia de ter uma indústria própria. Assim como, a parceria com a Angus e a importância para a ...
  • Sabor favorável: criadores de Red Angus adicionam potencial de marmoreio

    Informação | 21 de Janeiro de 2022
    Foto: Divulgação/Assessoria
    por Tom Brink, CEO, Red Angus Association of America 

    Os criadores de Red Angus continuam aumentando o potencial de marmoreio, o que demonstra o quanto estão atentos aos sinais emanados dos mercados de carne bovina e de gado. O marmoreio é uma característica economicamente relevante. As classificações das indústr...
  • Embrapa em Ação mostra potencial do Pampa para produzir alimentos de forma sustentável

    Genética, Informação | 20 de Janeiro de 2022
    Foto: Canal Rural
    O Giro do Boi de sexta, dia 14, levou ao ar o primeiro episódio da nova série especial Embrapa em Ação. Desta vez, as gravações ocorreram na sede da Embrapa Pecuária Sul, em Bagé, na Campanha gaúcha, no coração do Pampa.

    Conforme destacou o chefe geral da Embrapa Pecuária Sul, Fernando Cardoso, as riquezas nat...
  • ANC: Registro cresce 13% e confirma expansão da pecuária

    Genética, Informação | 20 de Janeiro de 2022
    Foto: Associação Nacional de Criadores
    Alinhados com a expansão e a valorização da pecuária na economia brasileira, os registros de animais de raça aumentaram 13% em 2021. O crescimento resulta do cadastro de 72.667 exemplares ao longo do ano passado frente aos 64.271 animais de 2020, ano que também apresentou alta. Os dados constam do banco da Associa...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais