Cadastre-se no site

Cadastre-se e fique informado em primeira mão sobre os principais acontecimentos da Assessoria Agropecuária
Porto Alegre, 12/04/2024

Redes sociais

Agendade eventos

Últimasnotícias

Conexão Delta G: Recuperação da pecuária anima negócios para a Temporada de Outono

Informação | 25 de Março de 2024

Recuperação da pecuária anima negócios para a Temporada de Outono

Foto: Divulgação/Assessoria

Segundo dirigente da Conexão Delta G, novo ciclo de alta trará demanda por animais de genética diferenciada


Depois de um ano de 2023 com baixas nos preços, a temporada de outono da pecuária, tradicional período de vendas de terneiros, deve ser de otimismo em 2024. A avaliação é do diretor da Conexão Delta G, Eduardo Eichenberg. De acordo com o dirigente, observando a sequência do ciclo pecuário como um todo, já se vislumbra uma valorização nas categorias de reposição de animais jovens.


Conforme Eichenberg, o próprio gado gordo já obteve uma recuperação de preço se comparado a 2023, e a tendência é de que essa valorização persista em 2024 e 2025. "Estamos caminhando para um novo ciclo de alta, especialmente pelas demandas externas. Por mais que haja algumas acomodações em níveis mundiais, a exportação tem sido favorecida, principalmente pela falta de matéria-prima em alguns países concorrentes do Brasil. Isso beneficia a nossa pecuária como um todo e ajuda na recomposição dos preços", analisa.


Diante dessa perspectiva positiva, o diretor da Conexão Delta G prevê cifras superiores a 2023 também na comercialização de genética. "Ano passado, apesar do cenário adverso, conseguimos ter liquidez nos diferentes leilões que organizamos ao longo do ano e, inclusive, valorização, mesmo que proporcional ao contexto econômico daquele momento”, explica.


Este ano, reforça Eichenberg, especificamente no Rio Grande do Sul, há uma situação climática muito mais confortável do que no outono do ano passado, então bastante castigado pela seca do verão de 2023. "Havia uma ausência muito preocupante de pasto nas diferentes propriedades de todo o estado. Isso também limitava muito a capacidade do criador de investir e trazer animais para dentro da sua propriedade. Este ano viemos de uma primavera chuvosa, permitindo-nos a recomposição dos campos", destaca.
 
Nesse contexto, a expectativa do dirigente da Conexão Delta G para esta temporada é de que haja uma boa demanda, em especial, por animais superiores, que possuem capacidade genética para produzir mais e para melhorar os índices produtivos dos rebanhos. "Esses animais vão seguir sendo valorizados. Muitos pecuaristas já se antecipam à alta do ciclo para rentabilizar seus investimentos, buscando exemplares que tenham diferenciais genéticos”, ressalta.


Esse movimento, segundo Eichenberg, certamente acarretará bons frutos logo em frente, quando a pecuária estará em um estágio melhor. “Sem dúvida alguma é um investimento para o cenário mais positivo que ainda está por vir. A fêmea prenha deste ano vai gerar o terneiro a ser desmamado em 2025, quando seguramente estaremos com valores ainda mais elevados", conclui.

Fonte: Conexão Delta G, 25/03/24

Maisnotícias

  • Os Agronautas EP. 59 - Agricultura e Pecuária: um diálogo sobre desenvolvimento para o Pampa. Parte 2

    Informação | 07 de Abril de 2024
    Foto: Divulgação/Assessoria
    Continuamos neste tema polêmico a pedido dos nossos ouvintes, e com certeza o debate vai enriquecer a visão que vocês têm da pecuária.  Ouça aqui no Spotfy 
    Como sempre, temos dicas pra vocês:  Dica da Ana Doralina:  O podcast +Rúmen, do aluno de veterinária Bruno Barreta, nosso ouvinte e empreendedor ...
  • Exportação de carne bovina cresce 25,9% no primeiro trimestre

    Informação | 07 de Abril de 2024
    Foto: Divulgação/Assessoria
    China, Estados Unidos, Emirados Árabes e México foram os principais destinos do produto

    As exportações brasileiras de carne bovina fecharam o primeiro trimestre de 2024 com um aumento de 25,9% na comparação com o mesmo período de 2023. No total, 598.639 toneladas foram exportadas, resultando em um faturamento de ...
  • EMBRAPA: Pesquisa usa genômica para enfrentar efeitos climáticos em gado leiteiro

    Genética, Informação | 05 de Abril de 2024
    Foto: Embrapa
    O Programa de Melhoramento Genético da Raça Girolando (PMGG) tem se preocupado com a tolerância dos bovinos às condições do clima. Situações de muito calor afetam negativamente a produção leiteira. Por isso, os valores genômicos dos touros da raça foram preditos em função do Índice de Temperatura e Umidade...
  • Raça Devon participa da ExpoCampos 2024

    Genética | 05 de Abril de 2024
    Foto: Diego Funari Fotografia
    A raça Devon estará representada por nove exemplares, rústicos e de argola, na 17a Feira Agropecuária de Indústria e Comércio de Campos Novos, ExpoCampos 2024, que acontece de 5 a 7 de abril em Campos Novos (SC). As participantes são a Cabanha Gralha Azul, de Fraiburgo, e a Cabanha RGD, de Pinheiro Preto, ambas d...
  • Antonia Scalzilli assume a presidência do Instituto Desenvolve Pecuária

    Informação | 05 de Abril de 2024
    Foto: Instituto Desenvolve Pecuária
    A advogada e criadora das raças Angus e Brangus já atuava na defesa da pauta da segurança no campo e terá como vice-presidente Ivan Faria

    Foi em votação online com seus associados que o Instituto Desenvolve Pecuária elegeu por aclamação a nova diretoria para o triênio 2024/2027. A criadora Antonia Scalzilli e o ...

Nossosparceiros

Nossosclientes

Redes sociais